O Chevrolet Camaro de Paul Walker

Clássicos 24 Jun 2024

O Chevrolet Camaro de Paul Walker

Para competir com o Ford Mustang e no novo segmento por ele criado, dos “Pony Car”, a General Motors concebeu o Chevrolet Camaro, partilhando a plataforma com o Pontiac Firebird. O Camaro iniciou a sua venda em Setembro de 1966 e utilizou um nome inventado pela marca, como sendo “um animal que se alimenta de Mustangs”, num tom saudavelmente provocatório em relação à sua rival.


Em 1969, último ano de produção da primeira geração, o Camaro sofreu grandes alterações no desenho, permanecendo inalterados somente o capot e a tampa da mala. Com este novo desenho, adquiriu um aspecto mais desportivo e agressivo. A grelha frontal é a alteração que salta mais à vista, com a sua forma em V e os faróis na sua ponta.


No que toca aos Camaro mais desportivos, podemos encontrar o Camaro SS e o Z/28, além do pacote de alterações estéticas RS, de Rally Sport. Os Camaro RS são facilmente distinguíveis pois têm os faróis frontais escamoteáveis, ou seja, escondidos atrás de umas portinholas que abrem quando são ligados, além dos faróis de marcha atrás debaixo dos pára-choques traseiros, contando ainda com o emblema Rally Sport nos guarda-lamas frontais. Para 1969 os Camaro RS estavam também equipados com entradas de ar falsas nos guarda-lamas traseiros


Já o Camaro Z/28 foi concebido de modo a homologar o modelo para poder competir nas corridas de Trans-Am, sendo vendido de uma forma quase secreta, uma vez que nunca foi publicitado ou surgia nos catálogos do modelo.


Vinha equipado com o motor específico V8 302 de 4,9L de cilindrada, produzindo 290cv às 5800rpm e 393Nm de binário às 4200rpm, a nível oficial, uma vez que vários testes indicavam ter mais potência. Acoplado ao motor está uma caixa manual Muncie M21 de quatro velocidades. Disponível apenas em 1969 estava a alavanca das velocidades da Hurst. A travagem é assegurada por travões de disco na frente com servofreio e a suspensão era também específica. Exteriormente, além dos emblemas indicativos da versão na grelha da frente, traseira e guarda-lamas frontais, estava também equipado com duas riscas largas no capot e tampa da mala.


Presente neste artigo está um dos primeiros Chevrolet Camaro RS Z/28 produzidos em 1969, e que foi adquirido por Paul Walker e pelo seu amigo Roger Rodas para iniciar um projecto de restauro. Infelizmente, ambos faleceram no acidente ocorrido em 2013 enquanto estavam a bordo do Porsche Carrera GT de Paul Walker, fazendo com que este terá sido dos últimos, se não mesmo o último automóvel adquirido por ambos.  


Este Camaro, apesar do desgaste apresentado no exterior e na sua empalidecida cor Le Mans Blue, está completamente original, incluindo o seu motor, caixa de velocidades e o diferencial traseiro autoblocante Positraction disponível como opção na época. Após a morte dos amigos Walker e Rodas, este Camaro foi vendido duas vezes, mantendo-se sempre no estado deixado por ambos.

Irá agora a leilão, num evento organizado pela Mecum em Monterey no próximo dia 17 de Agosto, não havendo ainda uma previsão do valor de venda.


Classificados

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube