Santa Clássicos: Um dia de convívio e partilha

Eventos 28 Mar 2024

Santa Clássicos: Um dia de convívio e partilha

Realizou-se no passado dia 23 de Março em Santa Cruz (Silveira, Torres Vedras), a primeira edição do Santa Clássicos, um encontro e exposição de veículos clássicos anteriores a 1970, que incluiu diversas actividades culturais, prova de vinhos, pequeno-almoço, almoço, eleição do veículo mais bonito e do melhor restauro. Com mais de 140 participantes, que vieram em 62 veículos antigos e com centenas de visitantes, o evento desenvolveu-se durante todo o dia.

Com uma participação acima do esperado e sob bom tempo, o número de visitantes observado, o qual partilhou muitos elogios e muitos sorrisos de satisfação e admiração, leva a organização a poder desde já afirmar que esta primeira edição do Santa Clássicos foi um verdadeiro sucesso.

As viaturas participantes ficaram expostas entre as 10 e as 17 horas, no largo Jaime Baptista da Costa, junto à pensão Mar Lindo, para satisfação de todos os que as vieram ver e fotografar, integradas numa vista maravilhosa para a praia. Houve também eleição do automóvel mais bonito (com votos dos participantes e do público), tendo o prémio sido atribuído ao Chevrolet Corvette Stingray de 1969 e o de melhor restauro ao Austin-Healey 3000 de 1959, embora neste campo existissem inúmeros exemplares merecedores de conquistar este troféu, como eram os casos do Auto-Union 1000 S Karmann Cabrio, Volkswagen Type 1 1200 de 1960, Wolseley 10/40, Morris 10/4, Triumph Herald, Austin-Healey Sprite, Citroën Traction Avant, entre muitos outros veículos fantásticos e em excelente estado. A decisão de ter que se optar por apenas um não foi naturalmente fácil, tendo que se considerar um factor de desempate entre eles, baseado na estética, o que acabou por dar a vitória ao elegante e vistoso Austin-Healey 3000.


Durante o evento decorreram várias actividades culturais, com destaque para o Passeio Jurássico, em Santa Cruz, e para a Rota dos Poetas, ambos com passagem pela Azenha de Santa Cruz. Houve também uma visita guiada à casa do Sr. Vasco Callixto, um conhecido jornalista e escritor, viajante por mais de 70 países e amante de Santa Cruz, que em vários artigos de sua autoria, publicados em variadas revistas de automóveis e turismo, nos anos 40, 50, 60, 70 e 80, promoveram e divulgaram Santa Cruz.

Autor de mais de 50 livros – na sua maioria relatos das suas inúmeras viagens e também vários livros dedicados aos automóveis, automobilismo e automobilistas em Portugal – de entre as viagens que realizou, destacam-se algumas como a de Lisboa a Moscovo, realizada num Volkswagen Carocha 1200 e a de Lisboa ao Cabo Norte, realizada com um Opel Kadett fabricado em Portugal pela General Motors da Azambuja, que se tornou no primeiro automóvel saído de uma fábrica portuguesa, e conduzido por um português, a chegar o ao Cabo Norte. Fez também várias viagens por África, Ásia e américas, tendo feito uma viagem fantástica entre a Argentina e o Canadá, com um Volkswagen fabricado no Brasil. Esta visita contou com o testemunho de um dos filhos do Sr. Vasco Callixto, António Callixto, atual proprietário da casa e que relatou algumas das suas recordações daqueles tempos e das aventuras das viagens que fez com os pais e o irmão.

Para poder observar mais partilhas e testemunhos acerca desta primeira edição do Santa Clássicos onde o convívio, a cultura, a beleza, a boa gastronomia, as memórias e a história se juntaram e fizeram muita gente feliz, consulte consulte as páginas de Facebook e Instagram de Gasolina no Sangue e do Movimento Santa Cruz Viva.

Fonte: Santa Clássicos

Classificados

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube