Gooding & Co. realiza leilão exclusivo de

Mercado 19 Out 2022

Gooding & Co. realiza leilão exclusivo de “Bugattiana”

A Gooding e Company está a organizar um leilão online, de 7 a 18 de Novembro, onde estará à venda, sem reserva, umas das mais significativas colecções de automobilia Bugatti.

Esta colecção eclética com mais de 250 objectos, alguns que nunca foram oferecidos à venda do público em geral, inclui registros da fábrica e objectos pessoais que pertenceram ao fundador da empresa, Ettore Bugatti e ao seu filho Jean.

Os lotes que vão a leilão no evento intitulado de “Gooding’s Bugattiana Automobilia“, pertenciam apenas a um entusiasta da marca francesa que começou a coleccionar desde a sua adolescência em 1950, ano em que começou a pertencer ao Bugatti Owners’ Club.




O coleccionador assumiu a responsabilidade de alguns dos modelos mais importantes da marca desde esse ano e trabalhou diligentemente para montar uma colecção de artefactos que mostra a evolução da marca durante um século.

Uma das estrelas do leilão é um raro barco Bugatti Type 75 de 1946. O barco foi elaborado por Ettore Bugatti e foi construído à mão no seu estaleiro Maisons-Laffitte pouco depois da Segunda Guerra Mundial. A produção destes barcos acabou pouco depois da morte do seu fundador em 1947 e é estimado que foram produzidos apenas 30 unidades.


Outro lote importante é o Bugatti Type 52 Baby original de 1933 que pertenceu a Richard ‘Dick’ Teague, o vice-presidente de design do American Motors. Este maravilhoso exemplar vai a leilão com os seus pneus originais, uns óculos vintage para criança, um diagrama original do automóvel de fábrica e fotografias de Teague e o seu filho com o automóvel.

Outro objecto que vai a leilão é o motor número 22 do Bugatti Type 41 Royale, um lote interessante que promete captar o interesse dos melhores coleccionadores da temática. Com apenas sete Bugatti Royales a saírem da linha de produção o motor excedente foi utilizado no comboio da Bugatti Autorail antes de extar em exposição no Musée Pichon em Clères, França.

Também incluído no leilão é o chapéu de Ettore Buggati, da Motsch Fils na sua caixa original, com o nome e endereço do fundador e as inicias dentro da cartola. Outros artefactos que vão a leilão são os manuscritos originais das “Memórias de Ettore Bugatti”, datadas a 20 de Novembro de 1944 e 24 de Fevereiro de 1945, um relógio cronógrafo Breguet encomendado por Ettore aquando o Bugatti Royale, o trófeu do vencedor das 24 Horas de Le Mans de 1937, o Troféu do Grande Prêmio da ACF de 1928 e o álbum de fotos do Grande Prêmio de Mônaco de 1930 que foi apresentado ao piloto da Bugatti René Dreyfus.


O especialista da Gooding and Company David Brynan declarou, “Esta é realmente uma colecção com qualidade de museu, cuidadosamente elaborada durante décadas por um verdadeiro apaixonado pela marca Bugatti. Esta é uma oportunidade única para adquirir peças importantes e inéditas, nunca antes vistas, com ligações à família Bugatti, pilotos lendários da época como René Dreyfus e Elizabeth Junek.


TAGS: Automobilia Bugatti Gooding & Company


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment