Rover SD1 da TWR, a réplica do exemplar perdido na corrida de Silverstone de 1984

Competição 18 Jul 2022

Rover SD1 da TWR, a réplica do exemplar perdido na corrida de Silverstone de 1984

O Rover SD1 foi um modelo de luxo, lançado pela marca britânica em Junho de 1976, estando em produção até 1986, com 303.345 unidades produzidas. Foi vendido através de diversos nomes, que na sua maioria indicavam a sua cilindrada e contava com um design em cunha, pouco típico no segmento de luxo da época. Outro facto único do SD1 era ter cinco portas, pois a tampa da bagageira dava acesso ao interior, algo pouco comum neste segmento, mesmo nos dias de hoje.


A designação SD1 era o nome de código, que significa Special Division nº1, ou seja, foi o primeiro projecto elaborado por esse departamento. Este foi o último modelo da Rover produzido na icónica fábrica de Solihull e o último a ser desenvolvido inteiramente pelos engenheiros da Rover.


Havia uma diversificada gama de motores, desde o quatro cilindros em linha com 2,0L de cilindrada, os seis cilindros em linha com 2,4L e 2,6L de cilindrada e o mais potente V8 de 3,5L, a que se juntava ainda um motor turbo-diesel de quatro cilindros e 2,4L produzido pela VM Motori. Acoplado aos motores podia estar uma caixa manual de cinco velocidades ou uma automática GM TH180 de três velocidades.


A versão mais desportiva era vendida como Rover Vitesse e estava equipada com o motor V8 de injecção, aqui a debitar 193cv. Foi lançada em 1982, para homologar o SD1 em Grupo A e assim poder melhorar desportivamente a imagem da marca, competindo principalmente no BTCC e ETCC.


O desenvolvimento da versão de competição ficou a cargo da TWR, de Tom Walkinshaw e na última evolução os motores debitavam 345cv, acoplado a uma caixa manual de cinco velocidades da Getrag. Teve algum sucesso desportivo, vencendo cinco corridas no ETCC em 1986 e venceu o DTM no mesmo ano, com o piloto Kurt Thiim.


Presente neste artigo está um Rover Vitesse de 1984, construído segundo as regras de Grupo A com peças originais e raras da TWR, para ressuscitar o chassis TWR/010 destruído num acidente em 1984 na corrida Silverstone Tourist Trophy.


Foi equipado com um motor original preparado pela TWR com componentes da J E Developments, assim como a caixa de velocidades Getrag, amortecedores Bilstein e travões AP Racing. Nem o exterior foi deixado ao acaso, com a decoração exacta do modelo original da Austin Rover Fleet. Somente no interior foi necessário actualizar os sistemas de segurança, nomeadamente a rollcage, a backet Cobra e os cintos de quatro pontos.


No passado dia 20 de Junho foi levado a leilão, através da plataforma da Collecting Cars, sendo vendido por 60 mil libras, quase 70 mil euros. Tem homologação FIA HTP, ou seja, pode competir em provas de clássicos em praticamente toda a Europa.


Rover-SD1-Touring-Car-1
Rover-SD1-Touring-Car-4
Rover-SD1-Touring-Car-17
Rover-SD1-Touring-Car-3
Rover-SD1-Touring-Car-11
Rover-SD1-Touring-Car-2
Rover-SD1-Touring-Car-8
Rover-SD1-Touring-Car-9
Rover-SD1-Touring-Car-10
Rover-SD1-Touring-Car-12
Rover-SD1-Touring-Car-13
Rover-SD1-Touring-Car-14
Rover-SD1-Touring-Car-16
Rover-SD1-Touring-Car-18
previous arrow
next arrow
Rover-SD1-Touring-Car-1
Rover-SD1-Touring-Car-4
Rover-SD1-Touring-Car-17
Rover-SD1-Touring-Car-3
Rover-SD1-Touring-Car-11
Rover-SD1-Touring-Car-2
Rover-SD1-Touring-Car-8
Rover-SD1-Touring-Car-9
Rover-SD1-Touring-Car-10
Rover-SD1-Touring-Car-12
Rover-SD1-Touring-Car-13
Rover-SD1-Touring-Car-14
Rover-SD1-Touring-Car-16
Rover-SD1-Touring-Car-18
previous arrow
next arrow

TAGS: BTCC Collecting Cars Rover SD1 Rover Vitesse Tom Walkinshaw Racing


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment