Bitter SC, o raro automóvel germânico produzido com base no Opel Senator

Clássicos 07 Jul 2022

Bitter SC, o raro automóvel germânico produzido com base no Opel Senator

Erich Bitter começou por competir, com bastante sucesso, com bicicletas pois os seus pais tinham uma loja de bicicletas e chegou mesmo a competir no Tour de France. Posteriormente, passou a competir com automóveis, principalmente da marca NSU, e a fazer as suas próprias alterações. Depois de terminar a sua carreira desportiva, em 1969, continuou a produzir alterações com ênfase na performance para automóveis, através da empresa Rallye-Bitter.

Após ter passado pela importação da Abarth e Intermeccanica, Erich fundou a sua própria empresa, desenhando e construindo em números muito limitados os seus automóveis, nascendo assim a Erich Bitter Automobil, em 1971. A sua especialização centrava-se no carroçamento de automóveis já existentes, dando um aspecto muito mais desportivo, além de alterar os motores. Actualmente, a Bitter continua em actividade, criando versões de luxo de vários modelos da Opel.

O segundo modelo produzido pela Bitter, foi o SC, lançado inicialmente na forma coupé em 1979 e na carroçaria descapotável em 1981, existindo ainda a versão berlina lançada em 1984. Tal como já era apanágio desde o primeiro modelo, este também tinha por base o maior Opel em comercialização, que neste caso era o Senator. A produção iria terminar em 1989, com 461 exemplares na carroçaria coupé, 22 na descapotável e apenas cinco na berlina de quatro portas.


O design foi inspirado no Ferrari 365 GT4 2+2 da Pininfarina, que se diz que terá sido elaborado nos anos 60, como uma evolução do desenho automóvel do futuro. Posteriormente, foi aperfeiçoado pelos designers da Opel, Henry Haga e George Gallion, sendo terminado para a produção por Giovanni Michelotti.

Ao nível mecânico, estava disponível com o mesmo motor do Opel Senator, de seis cilindros em linha, com 3,0 litros de cilindrada e injecção de combustível, produzindo 177cv. Existia ainda a possibilidade de um motor maior, de 3,9 litros com 207cv. A potência é enviada para as rodas traseiras, apesar de existir algumas unidades que estavam equipadas com tracção integral.

Presente neste artigo está um Bitter SC de 1982, equipado com o motor de 3,0 litros de cilindrada e 177cv, acoplado a uma caixa manual de cinco velocidades, que foi levado a leilão, no passado dia 7 de Junho, através The Market da Bonhams. Este exemplar foi vendido por 4181 dólares, um valor baixo tendo em conta a sua raridade, mas previsível devido à necessidade de trabalhos de chaparia.

Bitter-SC-Car-3-1536x1024
Bitter-SC-Car-4
Bitter-SC-Car-12
Bitter-SC-Car-5
Bitter-SC-Car-1
Bitter-SC-Car-6-scaled
Bitter-SC-Car-10-scaled
Bitter-SC-Car-11
Bitter-SC-Car-13
Bitter-SC-Car-16
previous arrow
next arrow
Bitter-SC-Car-3-1536x1024
Bitter-SC-Car-4
Bitter-SC-Car-12
Bitter-SC-Car-5
Bitter-SC-Car-1
Bitter-SC-Car-6-scaled
Bitter-SC-Car-10-scaled
Bitter-SC-Car-11
Bitter-SC-Car-13
Bitter-SC-Car-16
previous arrow
next arrow

TAGS: Bitter SC Bonhams Giovanni Michelotti Opel Senator The Market


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment