Automóveis míticos da McLaren na nova exposição do Petersen Automotive Museum

LifeStyle 14 Jun 2022

Automóveis míticos da McLaren na nova exposição do Petersen Automotive Museum

O Petersen Automotive Museum, em Los Angeles, na Califórnia revelou a cor do sucesso com a sua nova exposição dedicada à famosa marca, a McLaren.

A exposição vai ser inaugurada dia 18 de Junho e irá contar com uma seleção variada dos mais influentes McLaren já criados.

A marca McLaren foi fundada um lendário piloto, designer e director da equipa Bruce Mclaren, em 1963, como Bruce McLaren Motor Racing. Infelizmente, Bruce iria falecer um test drive num automóvel da marca de CanAM em 1970, apenas sete anos após ter fundado a marca.




No entanto, a McLaren tornou-se num dos fabricantes mais emblemáticos do mundo devido as suas façanhas no mundo do desporto motorizado como a Fórmula 1, a SportsCars, a CanAm e a IndyCar. Hoje, é o segundo fabricante de Fórmula 1 mais bem sucedido, depois da Ferrari.

A exposição do museu Petersen foca-se nos períodos em que usou pela primeira vez a sua assinatura cor de laranja e inclui alguns dos veículos mais significativos e raros McLarens.

Um desses modelos é o lendário McLaren M6A de 1967, o primeiro a ser decorado com a cor laranja papaia. O M6A foi desenvolvido em onze semanas e culminou o domínio da McLaren na CanAm no final dos anos 60.

O McLaren mais moderno em exibição é o carro de Fórmula 1 MCL33 de 2018. Este exemplar foi o último que foi usado por Fernando Alonso durante a sua segunda temporada com a equipa de Woking antes de entrar na sua breve reforma de dois anos. Consequentemente, a caixa de ar do modelo é finalizada com listras azuis, amarelas e vermelhas da região natal de Alonso, as Astúrias, na Espanha.


“A McLaren é um dos nomes mais célebres da história do deporto motorizado”, declara o director executivo do Petersen Automotive Museum, Terry L Karges. “Os veículos de corrida de Bruce McLaren e a empresa que ele fundou estão na vanguarda do design e desempenho há décadas. Estamos empolgados ao permitir que o público veja mais de perto algumas destas máquinas icônicas e históricas”.

Também estará em exposição um raro M6 GT de 1969, um de apenas três alguma vez produzidos. O M6 GT deveria ser o primeiro automóvel de estrada da McLaren, mas o projecto foi cancelado após a trágica morte de Bruce um ano antes da construção do primeiro exemplar.

Para mais informação sobre esta nova exposição clique aqui.


TAGS: McLaren Petersen Automotive Museum


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment