Protótipo Reyonnah 175 de 1950 leiloado por mais de 80 mil euros

Mercado 18 Abr 2022

Protótipo Reyonnah 175 de 1950 leiloado por mais de 80 mil euros

A Reyonnah era uma pequena empresa francesa que se dedicava a produzir cyclecars, ou seja, automóveis pequenos e pouco potentes, muito populares na Europa no pós-guerra. A marca fundada por Robert Hannoyer esteve apenas em actividade de 1951 a 1954, produzindo apenas 16 exemplares de cyclecars.

O único modelo que foi produzido pela Reyonnah, um veículo de quatro rodas pouco usual, com uma grande largura de vias na frente e mais estreita na traseira. Podia transportar duas pessoas, com o condutor sentado na frente e o passageiro atrás dele. O pequeno automóvel não tinha tejadilho, mas tinha uma capota de lona que poderia ser totalmente fechada, parcialmente aberta, somente cobrindo o lugar do passageiro, ou totalmente aberta.

As rodas da frente tinham uma particularidade, pois quando o veículo estivesse parado, elas poderiam recolher ao centro, elevando a frente do automóvel, fazendo com que fosse possível estacionar em sítios bastante apertados.


O motor que equipa o pequeno automóvel é de um cilindro, produzido pela AMC ou Ydral, com 175 ou 125cc de cilindrada, respectivamente. A potência era enviada para o eixo traseiro através de uma caixa manual de três velocidades e um sistema de correntes.

A Reyonnah esteve presente no Salão de Paris em três ocasiões e, no último ano, após ter falhado o objectivo de angariar compradores para o seu automóvel, Robert pegou no primeiro protótipo construído do modelo 175, aligeirou-o e levou-o para a pista de Montlhéry, onde conseguiu atingir os 100km/h e cumpriu 50km numa média de velocidade de 96,67km/h.

O exemplar presente neste artigo foi o primeiro protótipo do Reyonnah 175 produzido pelo próprio Robert nas traseiras da loja da sua mulher, três anos após o fim da Segunda Guerra Mundial. Apresentou-o pela primeira vez no Salão de Paris de 1950 e foi o mesmo utilizado para o teste no circuito de Montlhéry. Robert manteve-o durante anos até falecer, altura em que o veículo passou para a posse da família.

No passado dia 18 de Março, este primeiro protótipo do Reyonnah 175 com o chassis número 155-51-75, foi levado a leilão pela Artcurial, aquando do Salão Rétromobile, sendo vendido por 83.440 euros.

Reyonnah-175-Microcar
Reyonnah-175-Microcar-1
Reyonnah-175-Microcar-2
Reyonnah-175-Microcar-3
Reyonnah-175-Microcar-4-1536x1024
Reyonnah-175-Microcar-5
Reyonnah-175-Microcar-6
Reyonnah-175-Microcar-7
Reyonnah-175-Microcar-8
Reyonnah-175-Microcar-9-scaled
Reyonnah-175-Microcar-10
Reyonnah-175-Microcar-11
Reyonnah-175-Microcar-12
Reyonnah-175-Microcar-13
Reyonnah-175-Microcar-14
Reyonnah-175-Microcar-17
Reyonnah-175-Microcar-18
Reyonnah-175-Microcar-20
Reyonnah-175-Microcar-21
Reyonnah-175-Microcar-22
Reyonnah-175-Microcar-23
previous arrow
next arrow
Reyonnah-175-Microcar
Reyonnah-175-Microcar-1
Reyonnah-175-Microcar-2
Reyonnah-175-Microcar-3
Reyonnah-175-Microcar-4-1536x1024
Reyonnah-175-Microcar-5
Reyonnah-175-Microcar-6
Reyonnah-175-Microcar-7
Reyonnah-175-Microcar-8
Reyonnah-175-Microcar-9-scaled
Reyonnah-175-Microcar-10
Reyonnah-175-Microcar-11
Reyonnah-175-Microcar-12
Reyonnah-175-Microcar-13
Reyonnah-175-Microcar-14
Reyonnah-175-Microcar-17
Reyonnah-175-Microcar-18
Reyonnah-175-Microcar-20
Reyonnah-175-Microcar-21
Reyonnah-175-Microcar-22
Reyonnah-175-Microcar-23
previous arrow
next arrow

TAGS: Artcurial Reyonnah 175 Robert Hannoyer


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment