Citroën BX 4TC de Grupo B vendido por mais de 400 mil euros em leilão

Mercado 18 Nov 2021

Citroën BX 4TC de Grupo B vendido por mais de 400 mil euros em leilão

O Citroën BX, desenhado por Marcello Gandini, com base no projecto Tundra rejeitado pela Volvo, foi apresentado em 1982 . O BX tinha a particularidade de ser um automóvel leve, uma das premissas do projecto, e de utilizar a famosa suspensão hidropneumática da marca francesa, assim como travões de disco nas quatro rodas.

Tal como é comum, o BX também recebeu algumas versões desportivas, como o Sport, GT e GTi, mas é o 4TC que mais interesse suscita, pois foi esse o modelo utilizado pela Citroën para competir no WRC segundo as regras do Grupo B, com poucas semelhanças ao modelo tradicional.

Para tal foram produzidas 200 unidades de homologação, com o capot maior, já que o motor de 2,1 litros de cilindrada com turbocompressor era montado longitudinalmente, desenvolvendo 200cv na versão de homologação e apenas 280cv na versão de competição. Além disso, utiliza o sistema de suspensão e a caixa de cinco velocidades do Citroën SM. Todas as carroçarias eram terminadas na Heuliez.


A versão de competição não teve muito sucesso, já que apenas competiu no último ano em que o Grupo B vigorava como categoria rainha do WRC. O melhor resultado foi um terceiro lugar no Rally da Suécia e, no geral, só participou em três ralis. Devido à fraca performance, a Citroën apenas vendeu 62 BX 4TC de estrada e, pouco depois, a marca tentou adquirir todos os exemplares para os destruir. Felizmente não conseguiu e resistiram alguns, que agora são alvo de grande procura por parte dos colecionadores.

Dos cerca de 20 BX 4TC preparados para competir, conhecidos por Evolution, existem actualmente apenas seis ou sete além do exemplar deste artigo, que foi conduzido por Jean-Claude Andruet. Adquirido directamente à Citroën, este BX 4TC foi salvo da destruição e permaneceu intocável até hoje.

No passado dia 24 de Outubro, o BX 4TC Evolution com o chassis nº18, foi vendido em leilão pela Artcurial por 412.200 euros, ultrapassando largamente as expectativas de venda iniciais. Esta venda fica marcada também pelo facto de este ser o primeiro BX 4TC de competição a ser vendido em leilão.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Artcurial Citroën BX 4TC


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment