O único Allard K1/2 produzido foi vendido em leilão

Mercado 01 Nov 2021

O único Allard K1/2 produzido foi vendido em leilão

Sydney Allard, fundador da Allard Motor Company, era um homem que respirava automóveis, não é por acaso que é conhecido como o “Pai do Drag Racing”, além de ter vencido do Rallye Monte Carlo em 1951, com um automóvel desenhado e construído por ele.

Fundada em 1946 perto de Londres, a Allard iria produzir automóveis desportivos de baixo volume equipados na sua maioria por motores V8 americanos, que conjugava com os chassis britânicos leves, vendendo-os tanto para estrada como para a competição. Dois grandes nomes do mundo dos automóveis desportivos competiram com automóveis da Allard, como é o caso de Carroll Shelby e Zora Arkus-Duntov, o pai o Corvette. Apenas 1900 mil automóveis Allard foram produzidos até a empresa fechar em 1958.

Em 1946 a Allard lançou o modelo K1, com suspensão independente na frente e eixo rígido na traseira, equipado com o motor Ford Flathead V8. Em 1950 é lançado o modelo K2, com um chassis melhorado e suspensão frontal de molas helicoidais.



O automóvel presente neste artigo pensa-se ser único K1/2, pois foi encomendado por um americano como um K2, mas, após fazer a encomenda decidiu que gostava mais da carroçaria do modelo anterior e então foi aplicada a carroçaria do K1, daí ser designado de Allard K1/2.

Foi entregue em 1950 através do concessionário John Forbes Agency de Boston. Mais tarde, nos anos 50 foi desmantelado e ficou assim até 1972, altura em que foi vendido e foi iniciado um processo de restauro moroso que demorou cerca de 30 anos, mas nunca chegou a ser terminado. Em 2003 foi vendido e aí o novo proprietário submeteu-o a um profundo restauro, tendo percorrido menos de 1.000 quilómetros desde então.

O motor que equipa este Allard K1/2 é um V8 Ford Flathead de 1947, com 4,8 litros de cilindrada e equipado com cabeças e colector de admissão Edelbrock e três carburadores Stromberg 97. Acoplado ao motor está uma caixa manual de três velocidades.

Desde 2017 na posse do escultor Wendell Castle, este Allard K1/2 com o chassis 91K 1703, foi levado a leilão no passado dia 7 de Outubro, num evento organizado pela RM Sotheby’s em Hershey, na Pensilvânia, sendo vendido por 90.750 dólares, cerca de 78.000 euros. Juntamente com o automóvel seguiu toda a documentação original, assim como as ferramentas e o tecto de lona.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Allard K1/2 RM Sotheby's Wendell Castle


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment