II Iberian Classic Raid com mais de 140 equipas e 70 etapas cronometradas

Competição 29 Out 2021

II Iberian Classic Raid com mais de 140 equipas e 70 etapas cronometradas

Após oito dias, com mais de 70 etapas cronometradas e 2.000 quilómetros, houve tanta igualdade nas posições de liderança que o vencedor só foi decidido no último momento.

O II Raid Clássico Ibérico voltou a atravessar a Península Ibérica, partiu de Barcelona até Lisboa. Foram mais de 2000 mil quilómetros divididos em oito etapas para a corrida mais longa de regularidade de veículos clássicos, em estradas de terra, na Europa.

Esta edição contou com a participação de 140 equipas, todas elas a bordo de veículos com mais de 25 anos e vindas de toda a Europa. O II Raid Clássico Ibérico teve lugar inteiramente em condições secas, sem chuva, pelo que a caravana de automóveis clássicos lutou contra terrenos duros, secos e poeirentos.



Manter a concentração, ultrapassar a fadiga, cuidar da parte mecânica e alcançar uma boa sincronização entre os membros da equipa é a chave para alcançar a linha de chegada.

Completar esta rusga é uma aventura. São muitos quilómetros, muitos dias que, pouco a pouco, fazem o seu desgaste sobre os participantes e também sobre os veículos. Houve muitas avarias que foram resolvidas de imediato graças à equipa de mecânicos da organização e também pelos participantes pelos seus próprios meios, mas nem todas as equipas conseguiram chegar a Lisboa.

Uma aventura em que encontramos participantes de todos os tipos, amigos, casais, pais e filhos e alguns casos curiosos, como é o casa de uma equipa em que o co-condutor é cego, um casal que estava em lua-de-mel ou um casal holandês de 77 e 78 anos a bordo de um Panda. Este raid consegue combinar a paixão pelos automóveis clássicos com a natureza, paisagens, gastronomia, companheirismo e a emoção da competição.

O II Raid Clássico Ibérico começou com uma grande igualdade entre cinco equipas com veículos muito diferentes, tais como um Porsche 924, um Suzuki Vitara, um Toyota Land Cruiser, um Renault 4 e Mitsubishi Montero. Mas a dupla de Ramón Franquesa Sr. e Ramón Franquesa Jr. nos 924 dominou as primeiras quatro etapas com um elevado nível de precisão e concentração.

No entanto, esta prova é muito longa e requer controlo sobre muitas variáveis para se poder passar pelos pontos de controlo sem penalizações. A equipa formada pelos portugueses Pedro Carregosa, Gonçalo Pinto e Pedro Leal com um Montero cortava pontos etapa após etapa para alcançar a vitória logo no final da rusga. A equipa da Franquesa terminou finalmente na segunda posição, seguida por Alfonso Gómez-Acebo e Inés Gómez-Acebo com um Land Cruiser, Joan Casals e Ferrán Baldirá com um VW Golf e na quinta posição a equipa composta por Ricardo Barrasa, Salvador Fernández, Manuel Hernández e Rafael Perdiguero com um Peugeot 205.

O Grupo Bosch, que esteve a patrocinar esta rusga tem inovado e desenvolvido equipamento, componentes, sistemas e serviços para a indústria automóvel há mais de 100 anos. Com a sua experiência e know-how, juntamente com a sua paixão pelo mundo automóvel, levaram a Bosch a encorajar esta cultura automóvel de testes com veículos clássicos. Por seu lado, a Suzuki Ibérica colabora com os veículos do organizador: Vitara e Ignis, todos eles com tracção às quatro rodas e demonstram, mais uma vez, como são versáteis e decisivos para um percurso com estas características.

Classificação II Iberian Classic Raid

1 – Pedro Carregosa – Gonçalo Pinto/Pedro Leal Machado com Mitsubishi Montero;
2 – Ramón Franquesa Salado – Ramón Franquesa Alberti com o Porsche 924;
3 – Alfonso Gómez-Acebo Pacheco – Inés Gómez-Acebo Serrano com o Toyota Land Cruiser;
4 – Joan Casals Subirana – Ferrán Baldirà Martínez de Irujo com o Volkswagen Golf;
5 – Ricardo Barrasa – Salvador Fdez/Manuel Hdez/Rafael Perdig com o Peugeot 205;
6 – Francisco Fita Tortosa – Pilar Ríos Segarra com o Mitsubishi Montero;
7 – Gerard Bosch Llaveria – Teresa Font Bellot com o Suzuki Vitara;
8 – Rubén Torres Rodríguez – Carlos Campa Martín com o Opel Frontera;
9 – Ángel Izquierdo Soriano – Mircea Izquierdo Rodríguez com o Fiat Panda 4×4;
10 – Miguel Ángel García García – Luis Gonzalo Pérez Molina com o Volkswagen Golf.



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment