Shelby Mustang GT350 utilizado por Stirling Moss vai a leilão

Mercado 13 Set 2021

Shelby Mustang GT350 utilizado por Stirling Moss vai a leilão

Sir Stirling Moss é um dos pilotos mais reconhecidos pela história do desporto motorizado, apesar de nunca ter conquistado o título de campeão do mundo de Fórmula 1, foi quatro vezes consecutivas vice-campeão de 1955 a 1958. Competiu na chamada época dourada da Fórmula 1, mas fez muitas outras provas, como as Mille Miglia e provas de resistência.

Após um grave acidente em 1962, Moss decidiu voltar à competição, fazendo apenas provas esporadicamente, focou-se em competições de veículos históricos e é aí que entra este Shelby GT350 de 1966, e que o utilizou em provas de 1992 a 1999. Está equipado com o motor V8 289 de 4,6L de cilindrada acoplado a uma caixa manual de quatro velocidades.

Este Shelby GT350, com o chassis número SFM 6S089, iniciou a sua vida como um automóvel de estrada, sendo o 89º produzido dos 252 GT350 enviados para a Shelby pela Ford em 1965. Estes primeiros Shelby GT350 são conhecidos por “Carryover”, ainda com as especificações Mustang K-code. No início dos anos 90, quando estava na posse de Peter Livanos, que era um dos proprietários da Aston Martin, este decidiu restaurar o automóvel e modifica-lo para provas de clássicos, seguindo as especificações dos Mustang R-spec. Moss conduziu o GT350 pela primeira vez no Monterey Historics, tendo-o adquirido em 1992.



Após fazer várias provas de clássicos pela Europa e o Targa Tasmânia, onde venceu, Moss acabaria por vender o Shelby GT350 a um entusiasta da Suíça, que continuou a competir com ele. Em 2004 voltou para os EUA, onde permanece até agora. Agora, vai a leilão no próximo dia 16 de Setembro, sendo uma das estrelas do evento da Barrett-Jackson em Houston.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Barrett-Jackson Ford Mustang Shelby GT350 Stirling Moss


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment