Protótipo do Ford Thunderbird com compressor volumétrico vendido em leilão

Mercado 08 Jun 2021

Protótipo do Ford Thunderbird com compressor volumétrico vendido em leilão

O Ford Thunderbird foi lançado em 1954, sendo o primeiro automóvel de dois lugares da marca desde 1938. Foi desenvolvido em resposta ao Chevrolet Corvette e idealizado por Robert S. McNamara, no entanto, seguiu um caminho ligeiramente diferente, pois o Corvette queria rivalizar com os desportivos europeus, enquanto o Thunderbird era mais um automóvel de luxo, com linhas desportivas, um segmento que ficaria conhecido por personal luxury car.


Apesar da primeira geração do Thunderbird só estar em produção durante três anos, provou ser uma fórmula de sucesso para o mercado americano, visto que no primeiro ano vendeu 16.155 unidades, ao contrário do Corvette que vendeu apenas 674.


Devido ao desenvolvimento do sistema de injecção de gasolina no Corvette, a Ford pensou em seguir um caminho diferente, aplicando um compressor McCulloch no motor V8 314 4V de 5,1L de cilindrada e um carburador Holley de quadruplo corpo, pois seria muito melhor para atingir os 300cv às 4.800rpm e 595Nm de binário às 2.600rpm.


Inicialmente, apenas 15 protótipos foram construídos para testar esta motorização, sem planos para a sua produção. Em 1957, um destes Thunderbird bateu o recorde de automóvel americano de produção mais rápido, um feito que a Ford ambicionava, visto o Corvette ter batido o anterior recorde. Devido ao sucesso destes, a Ford acabaria por lançar esta versão em 1957, no último ano de produção da primeira geração do Thunderbird, com apenas 196 exemplares produzidos. Estes automóveis de produção estavam equipados com compressor Paxton.


Os protótipos eram equipados com o compressor volumétrico McCulloch VR57 Phase 1 e tinham uma caixa de velocidades reforçada da BorgWarner de três velocidades manuais. Além disso, estavam todos equipados com cintos de segurança e um hardtop em fibra de vidro para melhorar a aerodinâmica.


Dos 15 protótipos produzidos para testes, competição e recordes de velocidade, designados Thunderbird Phase 1 D/F Supercharged, apenas oito sobreviveram e o automóvel do artigo é um desses sobreviventes, estando num estado completamente igual a novo, pois foi submetido a um grande restauro, mantendo todas as peças originais, a cor original Colonial White e o interior vermelho. Após passar alguns anos na John Lucey Collection, foi levado a leilão pela Mecum, no passado dia 22 de Maio, no evento organizado em Indianapolis, vendido por 225.000 dólares, cerca de 184.500 euros.


previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Ford Thunderbird Mecum


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment