Alfa Romeo Proteo, o protótipo que antecipou o futuro Spider

Clássicos 22 Abr 2021

Alfa Romeo Proteo, o protótipo que antecipou o futuro Spider

Por Tiago Nova

O Alfa Romeo Spider é um automóvel icónico da marca de Milão, no entanto, o seu design pouco tinha mudado desde o lançamento da primeira série em 1966. Para alterar isso, a Alfa Romeo decidiu entrar na nova década de 90 com o objectivo de alterar por completo o modelo, tanto ao nível de motorizações, como ao nível da estética. Para isso desenvolveu um protótipo com o nome proveniente de um Deus grego, de nome Proteus, que era capaz de variar a sua forma, tal como o automóvel que se transforma de coupé em descapotável.

No Salão Automóvel de Genebra, a Alfa Romeo apresentou o protótipo descapotável Proteo. Também conhecido por 164 Proteo, pois utiliza a mesma plataforma da berlina Alfa Romeo 164, mas mais reduzida e com uma carroçaria de apenas duas portas e descapotável, com o tejadilho em vidro retráctil. As janelas são de Solextra, produzidas em colaboração entre a PPG Industries e a CRF, e são capazes de reduzir a energia solar em 40%, assim como a penetração de raios UVA.

A cor vermelha metalescente, foi aplicada pela primeira vez neste protótipo, com o objectivo de aumentar a sua luminosidade e reflexos, passando, posteriormente, a ser aplicada em automóveis de produção com o nome Rosso Proteo. No interior está equipado com bancos em pele Recaro eléctricos.


O seu design, elaborado por Walter da Silva, quando estava ao serviço do Centro Stile Alfa Romeo, empregou vários pormenores que foram postos em produção nos futuros Alfa Romeo Spider e GTV, que já estavam a ser desenvolvidos desde 1988.

O Proteo é um protótipo totalmente funcional e está equipado com o famoso motor Busso V6, de quatro árvores de cames à cabeça e 24 válvulas, com algumas alterações, como distribuição por correia e variação de fase das válvulas, desenvolvendo 260cv.  Gestão do motor é feita através de uma centralina Bosch Motronic M1.7.

Acoplado ao motor está uma caixa manual de cinco velocidades, que envia a potência para as quatro rodas, através de um sistema permanente Viscomatic de controlo electrónico e diferencial autoblocante Torsen na traseira. A velocidade máxima do Proteo é de 250km/h e atinge os 100km/h em seis segundos.

Para uma maior agilidade, utiliza também um sistema de quatro rodas direcionais electro-hidráulico. A suspensão independente nas quatro rodas, de MacPherson na frente e trailing arm na traseira, também é controlada electronicamente com dois níveis de dureza. O peso total do Proteo situa-se nos 1.467kg.

Após o Salão e Alfa Romeo indicou que planeava produzir dois mil exemplares do Proteo e até chegaram a ser produzidos três protótipos para o seu desenvolvimento, mas no final, isso acabou por não acontecer ficando-se apenas pela fase de protótipo e um exemplar encontra-se hoje em exposição no Museo Storico Alfa Romeo, em Arese, Milão.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Alfa Romeo 164 Alfa Romeo Proteo Alfa Romeo Spider


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment