Clássicos americanos

Arquivos 31 Mar 2021

Clássicos americanos

Por Ricardo Grilo

Por altura dos acordos de paz de Paris em 1973 e antes de se retirarem do terreno, os americanos forneceram uma enorme quantidade de equipamento militar ao Vietname do Sul. Mas com o recomeço do conflito uns meses depois, o Vietname do Norte acabaria por vencer o Vietname do Sul, com Saigão a cair em Abril de 1975.

No rescaldo foi capturada uma quantidade imensa de equipamento militar de qualidade que incluía mais de duas dezenas de caças F-5 E, dezenas de aviões de ataque Cessna A-37 e Douglas A-1 Skyraider, cerca de 20 C-130 Hercules, mais de uma centena de helicópteros Bell UH-1 Iroquois, centenas de carros de combate M-48 A3 e M-41, mais de mil veículos blindados de transporte de pessoal M-113, milhares de lança granadas anti-carro M-70 LAW, dezenas de milhar de espingardas M-16 e muito outro material que seria fastidioso estar a discriminar.

Se os F-5 E já foram retirados de serviço (alguns foram oferecidos à URSS, Checoslováquia e Polónia para testes e análise dos componentes) as armas pessoais, a artilharia e os carros M-113 ainda continuam em serviço, 46 anos após terem sido capturadas.


O mais interessante é que o exército do Vietname mantém como reserva estratégica e em bom estado de funcionamento dezenas de carros de combate M-48 e M-41, para serem usados em caso de necessidade (por exemplo, na eventualidade de um novo conflito com o seu vizinho do norte, cada vez mais imperialista).

Estas fotos mostram dois armazéns com os referidos carros de combate em reserva… que seriam agora um sonho para muitos colecionadores.



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment