Porsche alarga gama Taycan

Modernos 26 Jan 2021

Porsche alarga gama Taycan

Com o novo Taycan, a Porsche lança a quarta variante da sua berlina desportiva totalmente eléctrica, que se junta ao Taycan Turbo S, Taycan Turbo e Taycan 4S. Apresenta-se com tracção traseira e está disponível com dois modelos de bateria: com a bateria Performance, de série, o novo modelo de entrada disponibiliza 300 kW (408cv) em overboost com Launch Control; este valor sobe para um total de 350 kW (476cv) quando equipado com a opcional bateria Performance Plus. A potência nominal é de 240 kW (326cv) ou 280 kW (380cv), respectivamente.

Como mais jovem membro da família, o Taycan inclui, desde o início, as novas funcionalidades introduzidas nas outras versões com a mudança de model year. Por exemplo, a função Plug & Charge permite carregamentos e pagamentos mais simples, sem a necessidade de utilizar um cartão ou uma app: assim que o cabo de carregamento é conectado, o Taycan estabelece uma comunicação encriptada com a estação Plug & Charge. Em seguida, o processo de carregamento inicia-se de forma automática. Os pagamentos são também processados automaticamente.

Tal como nas outras versões, a lista de equipamento opcional integra elementos como o head-up display a cores e o carregador de bordo com 22 kW de capacidade de carga. Com o serviço Functions on Demand (FoD), os proprietários de um Taycan podem adquirir variadas funcionalidades de assistência ou conforto. Em alternativa, têm a possibilidade de as solicitar por um período de tempo limitado. Esta solução funciona depois de o veículo ser entregue e para a sua configuração original. A activação online significa que não é necessário visitar um Centro Porsche. Actualmente, isto é possível para o Porsche Intelligent Range Manager (PIRM), Direção Assistida Plus, Assistente Ativo de Manutenção na Faixa e Porsche InnoDrive.




Opção entre duas baterias

A bateria Performance, com uma capacidade bruta de 79,2 kWh, é de série. A bateria Performance Plus está disponível como opção. A sua capacidade bruta é de 93,4 kWh. A autonomia, de acordo com o ciclo WLTP, é até 431 ou até 484 km, respectivamente.

O Taycan acelera dos zero aos 100 km/h em 5,4 segundos, seja qual for a especificação da bateria. A velocidade máxima é de 230 km/h em ambas as configurações, enquanto a capacidade máxima de carregamento é de 225 kW (Bateria Performance) ou de 270 kW (Bateria Performance Plus). Significa isto que ambas as baterias podem ser carregadas de cinco a 80% SoC em 22,5 minutos e que a energia para percorrer 100 km é obtida em apenas cinco minutos.

Inovador motor eléctrico e performance dinâmica

Aceleração impressionante, tracção típica de um automóvel desportivo e uma extraordinária e sempre disponível potência – o novo ponto de entrada na gama Taycan inclui também todos estes pontos fortes.

O motor síncrono permanente, colocado no eixo traseiro, tem um comprimento de 130 milímetros, sendo o mesmo que é utilizado no Taycan 4S. O inversor opera até 600 amperes.

Adicionalmente ao motor síncrono permanente colocado no eixo traseiro, a arquitetura da transmissão inclui também uma caixa de duas velocidades. Tal como nos seus irmãos da gama, destaca-se a gestão inteligente de carregamento, assim como a exemplar aerodinâmica. Com um coeficiente aerodinâmico de 0,22, a sua aerodinâmica contribui significativamente para o baixo consumo de energia e elevada autonomia. A potência máxima de recuperação é de 265 kW.

Design exterior purista com ADN Porsche

Com o seu design purista, o Taycan assinala o início de uma nova era. Ao mesmo tempo, mantém o inconfundível ADN do design Porsche. A partir da secção dianteira, o automóvel desportivo eléctrico apresenta-se especialmente baixo e largo, com os guarda-lamas pronunciados. A sua silhueta é definida pela linha de tejadilho desportiva que desce até à traseira, enquanto as linhas laterais esculpidas são também características. O habitáculo proeminente, os impactantes pilares C e os pronunciados ombros dos guarda-lamas resultam numa traseira marcante, típica da marca. Estas características são complementadas por elementos inovadores como o logótipo Porsche integrado na faixa de luz traseira.

As características que distinguem o Taycan dentro da gama são as jantes Taycan Aero de 19” aerodinamicamente optimizadas e as pinças de travão em preto. O spoiler do pára-choques dianteiro, as saias laterais e o difusor traseiro em preto são os mesmos que encontramos no Taycan 4S. Os faróis em LED são de série.


Design interior único

O habitáculo do Taycan assinalou o início de uma nova era em 2019 com a sua estrutura limpa e uma arquitetura completamente nova. O painel de instrumentos curvo e flutuante constitui o ponto mais elevado do tablier. Isto demonstra o claro foco no eixo do condutor. Outros elementos são o ecrã central com 10,9” para o sistema de infoentretenimento e o opcional ecrã para o passageiro.

De série, o Taycan oferece um interior parcialmente em pele, assim como bancos dianteiros comfort com regulação eléctrica em oito vias e duas bagageiras: 84 litros à frente e 407 litros atrás.

O Taycan é também o primeiro modelo Porsche disponível com um interior totalmente leather-free. O interior concebido a partir de inovadores materiais reciclados sublinha o conceito sustentável do automóvel desportivo elétrico.


Sistemas de chassis ligados centralmente

A Porsche utiliza um sistema de controlo para o chassis do Taycan. O Porsche 4D Chassis Control analisa e sincroniza todos os sistemas de chassis em tempo real. Tanto a suspensão de série com molas em aço como a opcional suspensão pneumática adaptativa com tecnologia de três câmaras são complementadas pelo sistema de controlo electrónico do amortecimento PASM (Porsche Active Suspension Management).

A suspensão pneumática adaptativa está equipada com a função Smartlift. Isto permite que o Taycan seja programado para que a altura ao solo seja elevada em determinadas localizações de passagem frequente, como lombas ou entradas de garagem. A função  Smartlift pode também influenciar activamente a altura ao solo em autoestrada, podendo definir a altura para o melhor compromisso entre eficiência e conforto.

O Taycan está equipado, de série, com pinças monobloco em alumínio com seis êmbolos à frente e quatro êmbolos atrás. Os discos de travão ventilados são de 360 mm de diâmetro à frente e 358 mm de diâmetro atrás. As pinças têm um acabamento em preto anodizado.

Como opção estão disponíveis os travões Porsche Surface Coated Brake (PSCB) com discos de 410 mm de diâmetro à frente e 365 mm atrás.


Ano de sucesso para o Taycan

A Porsche teve um arranque bem-sucedido na era eléctrica, entregando a clientes por todo o mundo mais de 20.000 Taycan em 2020. Na Noruega, o Taycan representa actualmente 70% de todos os modelos Porsche vendido e, no início de Novembro, vimos o Taycan número 1000 a ser entregue na Noruega. O automóvel desportivo eléctrico recebeu cerca de 50 prémios internacionais, acima de tudo, nos seus mercados principais, Alemanha, Estados Unidos, Reino Unido e China. O novo Taycan de tracção traseira é também detentor do Guinness World Record™ para o mais longo drift com um automóvel eléctrico, tendo sido conduzido de lado, sem parar, durante exatamente 42,171 quilómetros.

Os primeiros Taycan de tração traseira irão chegar aos Centro Porsche a partir de meados de Março de 2021. Em Portugal, os preços começam nos 87.127 euros, incluindo impostos em vigor à data deste comunicado.


TAGS: Porsche Taycan


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment