Os automóveis do lendário guitarrista Eddie Van Halen

Clássicos 18 Out 2020

Os automóveis do lendário guitarrista Eddie Van Halen

O ano de 2020 não está a ser fácil, ainda mais para os fans de Rock n Roll que no passado dia 6 souberam da triste noticia do falecimento de Eddie Van Halen, aos 65 anos, após longos anos na luta contra um cancro.

Eddie nasceu na Holanda, em 1955, e tornou-se num dos melhores guitarristas de todos os tempos. Fundou a sua banda Van Halen em 1974 e foi um dos pioneiros na técnica de tapping, onde utiliza as duas mãos no braço da guitarra para dar notas diferentes. Mas, tal como muitos outros artistas da música, Eddie era também ele amante de automóveis, principalmente do movimento Hot Rod, tendo uma colecção repleta de automóveis clássicos.

De entre vários automóveis icónicos de Eddie, podemos encontrar um Porsche 911, um Jeep Wrangler Renegade, entre muitos outros. No entanto, o automóvel mais icónico é sem dúvida o Lamborghini Miura P400S, que foi oferecido a ele pela sua ex-esposa, Valerie Bertinelli, em 1981, como prenda de casamento. Como não poderia deixar de ser, o Miura tinha algumas alterações, nomeadamente a traseira alargada, com entradas de ar e jantes maiores, mas, segundo consta, foram alterações produzidas na própria fábrica da Lamborghini. O Miura vermelho, com a matrícula APR 11, que significa 11 de Abril, data do casamento, ficou na posse de Van Halen até 2019, quando o vendeu ao coleccionador John Temerian.

Outro automóvel icónico de Van Halen era a sua Chevrolet C/K personalizada, com uma pintura a imitar a sua guitarra Frankenstrat. A C/K foi alterada na Boyd Hot Rods, de Boyd Coddington, empresa muito popular na produção de Hot Rods e que produziu em vários automóveis icónicos para artista do Rock, como o CadZZilla, de Billy Gibbons, vocalista dos ZZ Top, assim como alguns trabalhos encomendados por Michael Anthony, antigo baixista dos Van Halen. A Chevrolet C/K foi desenhada por nada mais, nada menos que Chip Foose. As jantes de 16” foram produzidas especificamente para este projecto. O motor foi substituído pelo V8 LT1 350 Small Block, extraído de um Chevrolet Corvette, debitando 355cv às 5.700rpm. A caixa de quatro velocidades automática, assim como a suspensão traseira multilink, foram também extraídas do Corvette.

Houve ainda outra C/K modificada por Boyd a pedido de Van Halen, mas esta manteve a mecânica original, no entanto, a pintura foi mais além e replicou, por completo, a famosa guitarra de Eddie. Esta pickup acabaria por ser sorteada na revista Sport Truck, em Junho de 1993. Não se sabe do paradeiro desta C/K, mas é possível que ainda esteja com o proprietário que foi sorteado.

A Chevrolet C/K original ficou com Eddie, até este a deixar estacionada ao relento durante vários anos, ficando bastante estragada. Em 2009, foi submetida a um restauro, pela American Hot Rods e passou a estar equipada com jantes de 18” na frente e de 20” na traseira. Em Janeiro de 2010, seria levada a leilão, pela Barrett-Jackson, vendida por cerca de 36.300 euros.

Nos últimos anos e, possivelmente, devido à doença que o assolava, Van Halen começou a vender vários automóveis da sua colecção, como o Miura, o Chevrolet Nova, a Dodge COE, um 911 GT3, um Chevrolet Nomad e um Chevrolet 210.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Barrett-Jackson Chevrolet 210 Chevrolet C/K Chevrolet Nomad Chevrolet Nova Dodge COE Eddie Van Halen Jeep Wrangler Lamborghini Miura P400 S Porsche 911


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment