Rickman Ranger, um automóvel inspirado no Suzuki Samurai

Clássicos 02 Set 2020

Rickman Ranger, um automóvel inspirado no Suzuki Samurai

Por Tiago Nova

A Rickman Motorcycles foi fundada pelos irmãos Derek e Don Rickman, em 1960. Esta empresa britânica era especialista na produção de quadros especiais para motos, negócio que permaneceu até 1975, inicialmente para motos de competição, passando para as motos de estrada, posteriormente.

Em 1985, pouco antes dos irmãos Rickman se reformarem, foi fundada a Rickman Bros Engineering Limited, para a produção de automóveis em kit, algo comum nos pequenos construtores britânicos. Uma dessas criações era o Rickman Ranger, um modelo inspirado no Suzuki Samurai, com uma carroçaria em fibra de vidro montada num chassis de um Ford Escort MK1 ou MK2. Devido a isso, a tracção era somente às rodas traseiras, ao invés de ser às quatro como no Suzuki. Várias outras peças têm proveniência noutros automóveis da Ford, como os puxadores das portas do Ford Cortina MKIV e os puxadores interior de um Fiesta. De resto, quase todo o interior é retirado do Escort, como o painel de instrumentos, aquecimento e botões.

Existiam vários tipos de carroçarias, o Ranger Softtop, com tejadilho em lona, que podia ser dividido em duas partes, ou em fibra removível ou até poderia vir em pickup. O Ranger Hardtop, que era o modelo completamente fechado, e o Space Ranger, um modelo fechado, mas com a carroçaria alongada, para um maior espaço interior. Além destes, a Rickman produziu ainda o Rancher, que era a versão autocaravana. De série vinha com Rollbar, no entanto, as carpetes do interior eram extra, assim como os faróis de halogéneo e os pneus de terra 184×14 montados nas jantes de 14”. As cores disponíveis, impregnada na fibra, eram o branco, azul e vermelho.



Por ser um automóvel em kit e montado num chassis de um Escort, várias foram as motorizações aplicadas, desde o motor 1.6 Kent e 2.0 Pinto a gasolina, até motores 1.8 e 2.3 diesel e turbo-diesel.

Posteriormente, em 1992, a produção passou para a Lomax, com um total de cerca de 1.000 unidades produzidas até 1999. O Ranger também foi produzido na Rússia pela Avtokam e pela Velta, em cerca de 150 exemplares.

Hoje em dia, vários são os Ranger que ainda permanecem com o mesmo proprietário que os montou. Recentemente foi fundado o Rickman Cars Owners Club, que detém os direitos de produção e de nome dos automóveis Rickman.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Avtokam Lomax Rickman Rancher Rickman Ranger Suzuki Samurai Velta


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment