O super Carocha criado por Christian Stelzer

Clássicos 31 Ago 2020

O super Carocha criado por Christian Stelzer

O Volkswagen Carocha, ou Type 1, é um automóvel marcante na história do automóvel, tudo porque marcou uma era, popularizou o automóvel na Europa e, além disso, foi o automóvel de base para a fundação da Porsche.

O seu design simples e o baixo preço fizeram com que vendesse mais de 20 milhões de exemplares durante os seus mais de 60 anos que esteve em produção. Isto fez com que existam muitas unidades, utilizadas e restauradas das mais variadas formas, criando, muitas vezes, o sonho do seu proprietário, sendo a base de qualquer construção que se possa imaginar.

Este Volkswagen Käfer 1303 RS, como foi denominado pelo seu criador, Christian Stelzer, tem clara inspiração no desporto motorizado, mais concretamente nos Porsche, juntando a sua paixão pela competição automóvel com toda a engenharia que a rodeia. Stelzer sempre teve uma obsessão por automóveis e adquiriu um Beetle quando tinha 18 anos, sendo esse o seu primeiro automóvel, pois os seus irmãos mais velhos e o seu pai, já conduziam Carochas. Numa ida ao circuito de Nürburgring, Christian viu uma prova da Käfer Cup e começou a idealizar o seu Carocha inspirado na competição.



O seu objectivo primordial era encontrar um Beetle na mesma cor do seu primeiro, a Marathon Blue, mas isso seria apenas a única coisa que iria ter em comum. Foi então que adquiriu um exemplar de 1973 e iniciou logo a sua desmontagem, começando a trabalhar nos melhoramentos do chassis. Christian adaptou e produziu várias peças para o seu Käfer, de modo a tirar o máximo possível dos componentes.

Para o motor, Christian escolheu a mecânica do Type 4, o familiar lançado em 1968 com motor boxer de quatro cilindros. O motor foi todo desmontado e reconstruído, aumentando a sua cilindrada para os 2,6 litros e recebeu árvores de cames Shleicher. Para a alimentação de combustível foram montados dois carburadores duplos Weber 48 IDA. O motor refrigerado a ar, a cárter seco e com uma taxa de compressão de 11:1 debita uma potência de 210cv, três vezes mais que o automóvel de série.

Para a condução ser mais rápida e segura, foram montadas duas molas Eibach por roda, amortecedores Koni ajustáveis na frente e na traseira amortecedores Bilstein, montados em componentes de alumínio e titânio que os segura ao chassis. A traseira tem ainda a ajuda de uma barra estabilizadora ajustável e na frente foram montados braços da Porsche.

A travagem está a cargo de pinças AP Racing de quatro pistões na frente. Para melhorar a estética foram montadas jantes douradas BBS E39 em magnésio. Vários painéis da carroçaria foram refeitos em fibra de carbono, para assim baixar o peso e o centro de gravidade do automóvel. Os guarda-lamas foram alargados para acomodar pneus mais largos e, assim, não sai fora da carroçaria.

O interior foi desprovido de tudo o que não é necessário. O tablier mantém o seu aspecto original, mas foi substituído por um em fibra de carbono.

Todo o material montado neste Carocha não é só para “mostrar”, já que Christian faz várias incursões em pistas, como Salzburgring, Hockenheim, Spa e Nürburgring Nordschleife.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Porsche Volkswagen Beetle Volkswagen Carocha Volkswagen Käfer Volkswagen Type 4


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment