As patentes mais estranhas que nunca chegaram à produção automóvel

Arquivos 13 Abr 2020

As patentes mais estranhas que nunca chegaram à produção automóvel

As patentes servem para os seus inventores protegeram a sua ideia, pensando em algo novo e inovador, sem se preocupar com que alguém lhes “roube” a ideia. Cada vez mais as marcas registam o maior número de patentes possíveis, pois o automóvel atravessa uma grande mudança, assim como as tecnologias, que estão em constante alteração. É certo que grande parte destas patentes chegam aos automóveis, mas nem sempre isso acontece, resultando em algumas patentes estranhas. Seguem-se alguns exemplos de patentes de nunca chegaram à produção, com ilustrações elaboradas pela Vanarama.

Dispensador de gás de lacrimogéneo, turbina de vento e traseira telescópica retráctil


 
O dispensador de gás de lacrimogéneo seria para libertar uma fragrância no interior do automóvel, no entanto, também poderia ser utilizada como defesa pessoal. Na procura de alternativas para a mobilidade automóvel, nasce a ideia de uma turbina de vento, montada no tejadilho, utilizando a força deste para fazer movimentar o automóvel. Além destas estranhas patentes, ainda existe mais uma em que seria adicionada uma traseira telescópica retráctil, de modo a melhorar a aerodinâmica.

Capot que cola, limpa pára-brisas a laser e automóvel assimétrico


 
Por forma a eliminar ou diminuir as lesões em caso de atropelamento, a Google patenteou um capot que funcionaria da mesma maneira que a fita para apanhar as moscas, produzido em material colante. Em 2018, a Tesla patenteou um mecanismo de limpeza do vidro para-brisas a laser, mas até agora ainda não saiu para o mercado. Por último, não há muito a dizer, sobre o facto de existirem automóveis assimétricos, pois não existe nenhuma vantagem.

Tapete rolante transportador para mercadoria e incorporação de uma moto no automóvel


 
Estas duas patentes foram idealizadas pela Ford, para melhorar a vida prática da população. A primeira é útil para o caso de se precisar de algo que está no porta bagagens e com um tapete rolante, poderia-se aceder sem ter que parar e sair da viatura. Por outro lado, temos uma moto eléctrica incorporada no automóvel, podendo-se assim, melhorar o trânsito nas grandes cidades, estacionando o automóvel e fazer o resto do percurso com a moto.
 

Lavagem automóvel através de drones e o Aerocar


 
A BMW deve ter ido buscar inspiração aos filmes de ficção científica, ao patentear a ideia de lavagem automóvel executada através de drones. Por outro lado, a Toyota desde de 2014 que “sonha” com o automóvel voador, algo que já existiu no passado, mas não vingou.

Sala de reuniões móvel e placas luminosas para automóveis autónomos


 
A Ford pensou que seria boa ideia colocar uma sala de reuniões na traseira de um automóvel autónomo, podendo-se aproveitar o tempo da viagem para fazer uma reunião de negócios. A outra patente tem o objectivo de emitir luzes de aviso para os peões, através dos automóveis autónomos.

Secções de abertura giratória e estacionamento vertical


 
As secções de abertura giratória são muito utilizados por veículos pesados, pois assim conseguem ter o motor debaixo da cabine, além disso, alguns protótipos dos anos 70, principalmente, usavam um estilo de porta semelhante. O estacionamento na vertical era uma forma de aproveitar melhor o espaço, algo que foi pensado e patenteado em 1923, quando ainda não existiam tantos automóveis como nos dias de hoje.

Máquina de café no automóvel e sistema de WC


 
Pois é, já muita gente pensou em tornar o automóvel mais prático, mas algo que toda a gente faz diariamente nunca foi incorporado nos automóveis. Que tal uma máquina de café no automóvel, para quando apetecer e não existir nada na zona? Ou então um sistema de “casa de banho” portátil no lugar do passageiro. Por razões óbvias, nenhuma das duas foi introduzida.

Cobertura para os cintos de segurança em peluche e divisor para crianças


 
Para terminar, algo focado nas crianças. Porque não uma cobertura para os cintos de segurança em peluche, assim as crianças sentem-se mais felizes e são capazes de não fazer birras. Ou então uma divisória, será para quando uma criança está a chorar, ou para quando transportar duas crianças e elas não se chatearem?


TAGS: BMW Ford Google Tesla Toyota Uatc


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment