Clássicos 01 Abr 2020

Austin-Healey BT7 3000: Uma escultura em forma de automóvel

Logo depois de ter a carta de condução, Gernot Aschoff encontrou-se no habitáculo dos automóveis desportivos britânicos. O primeiro foi um MGA dos classificados de uma revista de automóveis desportivos clássicos. Estava em péssimo estado, mas Gernot não se sentiu dissuadido em o adquirir.
 
Neste vídeo, exibe o seu meticulosamente restaurado Austin-Healey BT7 3000 de 1961. Uma peça de excelência da definição britânica de roadster, o exemplar de Gernot permaneceu num armazém durante 40 anos, antes de embarcar em duas décadas de restauro. Ele teve o cuidado de garantir que o resultado do restauro fosse perfeito, mas não deixe a aparência da cápsula do tempo influenciar os hábitos de Gernot. Apaixonado por viagens de longa distância com o tecto removível instalado na escultura azul da carroçaria, Gernot garante que o odómetro gira.

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube