Passeio dos Alemães decorre a 28 de Março no Norte e Sul do país

Eventos 18 Fev 2020

Passeio dos Alemães decorre a 28 de Março no Norte e Sul do país

O esplendor dos anos 50 trouxe para Portugal o culto dos automóveis alemães. A sua qualidade de construção e fiabilidade no pós-guerra tornou-se um símbolo mundial, transversal a todos os modelos. E muitos foram os que deixaram memórias que ainda perduram.
 
A obra de Ferdinand Porsche permanece nas garagens de muitos coleccionadores. O criador da Volkswagen deu o seu nome a uma das grandes referências das marcas desportivas, com o lançamento do Porsche 356, em 1948. O sucesso foi de tal forma enorme, que ainda hoje a silhueta dos Porsche e o seu motor atrás permanecem uma imagem de marca.
 
Já o popular Volkswagen “Carocha”, lançado em 1938 como “Carro do Povo”, teve uma paragem na produção durante a guerra, e viria a ser relançado em 1949 para ficar até finais dos anos 90. O “Carocha” foi durante várias gerações o meio de transporte de muitas famílias portuguesas.

 
Com o final da guerra, também a Mercedes-Benz renasce das cinzas e surpreende o Mundo com o lançamento do 300 SL, em 1954. O modelo ainda hoje faz sonhar os admiradores da marca pelo design e pelas suas prestações e soluções técnicas muito à frente do seu tempo.
 
Do coração da Baviera, e também com um percurso de altos e baixos durante a primeira metade do século XX, a BMW só veria o sucesso consolidado da marca nos anos 60 com o lançamento do 1600.
 
Muitas outras marcas alemãs continuam em produção ou no imaginário dos entusiastas, exemplo da Audi, Opel, NSU, DKW, Borgward, Glas, Trabant e outras largas dezenas de fabricantes.
 
A pensar em todos os que coleccionam e acarinham estas marcas, o ACP Clássicos organiza o Passeio dos Alemães. Pela primeira vez, o evento realiza-se em simultâneo no Sul e no Norte a 28 de Março com uma estrutura idêntica: exclusivo a viaturas de fabrico alemão, com a opção de integrar a visita turística do passeio ou em alternativa experimentar o sabor desportivo que estes clássicos proporcionam regularidade histórica em troços sinuosos.
 
Programa do Sul
9h00 – Concentração nas Docas em Belém/Alcântara
10h00 – Partida
11h45 – Visita ao Fluviário de Mora ou, em alternativa, treino de regularidade histórica
12h45 – Partida em direcção a Montargil
13h30 – Almoço no Hotel NAU Lago Montargil
 
Programa do Norte
9h00 – Concentração na Quinta dos Cónegos na Maia
10h00/10h30 – Partida
11h00 – Visita ao Forte de Santiago da Barra e Navio Gil Eanes ou treino de regularidade histórica
12h15 – Partida em direcção a Vila Nova de Cerveira
13h00 – Almoço no Restaurante Dom Júlio


TAGS: ACP Clássicos Passeio dos Alemães


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment