Morris está de volta com a produção de furgão eléctrico retro

Modernos 21 Nov 2019

Morris está de volta com a produção de furgão eléctrico retro

A conjugação do estilo antigo com a tecnologia moderna não poderia estar mais na “moda” e, dessa forma, a Morris Commercial, uma startup fundada recentemente, quis reavivar a Morris J-Type da década de 40, lançando a JE-Type.
 
A Morris Motors foi fundada em 1919 por William Morris, aproveitando os activos da WRM Motors Limited fundada em 1912, também por William, e continuar com a produção de automóveis, sendo que em 1926 atingiu a cota de mercado de 42% no Reino Unido. Em 1952, a Morris fundiu-se com a Austin para criar a British Motor Corporation, passando para British Leyland Limited em 1975. O nome Morris foi utilizado até 1984, altura em que a British Leyland quis concentrar-se na marca mais popular, a Austin. Actualmente o nome Morris pertence à marca chinesa SAIC.
 
William Morris fundou ainda outra marca, a Morris Commercial a 1 de Janeiro de 1924, para a produção de veículos comerciais, após a compra da E G Wrigley and Company em 1923, reaproveitando a fábrica de produção de eixos. Só em 1936 é que a Morris Commercial se fundiu na Morris Motors, mas o nome continuou a ser utilizado até 1968.

 
A Morris Commercial J-Type original foi lançada em 1949 e produzida até 1961, altura em que foi substituída pela Morris J4. O design era bastante avançado para a época e tinha portas deslizantes de ambos os lados. Era vendida também na forma de chassis, para ser carroçada externamente para funções específicas. O motor que equipa a J-Type é de quatro cilindros com 1476 cc e válvulas laterais, similar ao utilizado no Morris Oxford MO. A potência é enviada para a rodas traseiras através de uma caixa de três velocidades. Em 1957 apareceu a JB, com motor melhorado da BMC, o B-series, com válvulas à cabeça e 1489 cc, assim como uma nova caixa de quatro velocidades. A Austin também vendeu estas carrinhas sob a designação Austin 101. Ao todo foram produzidas cerca de 48.600 Morris J-Type.
 
A Morris Commercial foi relançada em 2017, para agora apresentar a nova JE-Type. A carroçaria da JE-Type é construída em fibra de carbono, fazendo assim um dos comerciais ligeiros mais leves do mercado. A motorização eléctrica é montada no meio do automóvel, equipada com baterias de iões de lítio de 60 kWh, com uma autonomia anunciada de 320 km, tendo a capacidade de carregamento rápido a 50 kW. A capacidade de carga é de 5,5 m3, podendo carregar duas europaletes.
 
No entanto, o preço será o seu maior factor contra, pois irá estar à venda por cerca de 70.000 euros, com a produção a arrancar no final de 2021.
 

previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Morris Commercial JE-Type


PARTILHAR:

Mais Populares

Deixe um comentário

avatar