Cinco automóveis pessoais de Ayrton Senna

Clássicos 21 Mar 2019

Cinco automóveis pessoais de Ayrton Senna

Por Bruno Machado

Hoje celebra-se o aniversário do maior piloto de Fórmula 1 de todos os tempos: o grande Ayrton Senna (opinião muito subjectiva, sim eu sei)! Para comemorar este dia fazendo a ligação com os nossos clássicos, vejamos aqui cinco automóveis pessoais deste grande piloto:
 

Alfasud Ti

 

 
Quando partiu para o Reino Unido, disputar o campeonato de Fórmula Ford em 1981, o jovem Senna utilizou um Alfasud 1.5 Ti cinzento, que, pela sua tendência para a corrosão, não era o automóvel mais indicado para o clima chuvoso inglês. Em compensação, Ayrton Senna teve certamente muito prazer em conduzi-lo, desfrutando da melodia do 4 cilindros Boxer!
 

Audi S4 Avant

 

 
Além de piloto, Ayrton Senna era igualmente homem de negócios, tendo sido pioneiro na importação da Audi no mercado brasileiro. Para as suas deslocações pessoais no Brasil, podia contar com os 280 cavalos do V8 4.2 e com o sistema “quattro” do seu Audi S4 Avant, versão desportiva da carrinha Audi 100, futuro A6 (e não do A4, que ainda nem sequer existia).
 

Ford Escort XR3

 

 
Logo no início da sua carreira na Fórmula 1, Ayrton Senna foi um nome muito solicitado pelos publicitários, sobretudo depois do brilharete no Grande Prémio do Mónaco, ao volante de um modesto Toleman. Assim, o antigo vencedor da Fórmula Ford, foi o rosto da campanha publicitária do Ford Escort XR3 no Brasil, onde o 1.6 litros carburador tinha apenas 83 cavalos. No fim do anúncio Senna dizia: “Eu tenho um!”. E tinha mesmo!
 

Honda NSX

 

 
O NSX é indissociável de Ayrton Senna. O desenvolvimento do desportivo nipónico coincide com o auge da parceria McLaren-Honda-Senna na Fórmula 1, pelo que os engenheiros da marca japonesa aproveitaram os serviços do piloto para o desenvolvimento do NSX. O resultado foi um automóvel mítico! O exemplar preto que Senna utilizava no Brasil está ainda hoje na posse da família.
 

Mercedes-Benz 190 2.3 16

 

 
Em Maio de 1984, um principiante na Fórmula 1, um tal Ayrton Senna, participa, juntamente com os tubarões da altura (Lauda, Prost ou Rosberg, por exemplo), numa corrida organizada para promover o novo Mercedes-Benz 190 E 2.3 16 e o novo Nürburgring, mais pequeno que a grande Nordschleife. Tendo sido provavelmente o único piloto a levar a corrida a sério, Senna vence a prova! E vence em pé de igualdade com os outros pilotos. As apresentações estavam feitas! Depois da corrida, o exemplar da pista (com baquets e roll-bar) foi para o museu da Mercedes-Benz e uma versão de estrada foi directamente para a garagem de Senna.


TAGS: Ayrton Senna


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment