Triciclo francês de 1907 a postos para os desafios do Rally Pequim-Paris 2019

Clássicos 19 Mar 2019

Triciclo francês de 1907 a postos para os desafios do Rally Pequim-Paris 2019

Um Mototri Contal de 112 anos está pronto para enfrentar o Rally Pequim-Paris 2019. O objectivo que se propõe atingir é claro: realizar os 13.840 km da competição.
 
O primeiro Rali Pequim-Paris remonta a 1907. Uma das duplas participantes nessa edição foi o duo francês Auguste Pons/Oscar Foucauld, que alinhou na prova com um Mototri Contal (triciclo gaulês). Agora, Anton Gonnissen, 58 anos, arquitecto de Sint-Martens-Latem (Bélgica), tentará reescrever a história: levará ao Rali Pequim-Paris 2019 um (reconstruído) Mototri Contal e almeja guiá-lo até Paris.
 
Um belo dia, o supramencionado arquitecto de Sint-Martens-Latem deu de caras com um dos poucos ainda existentes Mototri Contal e o respectivo manual original. Sem delongas, resolveu fazer o necessário estudo da máquina, contando para o efeito com o auxílio da Universidade de Gent. Foram levados a cabo alguns melhoramentos no automóvel: os aprimoramentos incidiram no chassis, rodas e motor.
 
Herman Gelan, 46 anos, arquitecto de interiores de Gent (Bélgica), será o navegador de Gonnissen. Fará a estreia no desporto motorizado no Rali Pequim-Paris 2019. Além dos ralis, Gelan é entusiasta de maratona e triatlo, provas desportivas que também cativam Gonnissen.
 
Se tudo correr da melhor maneira, Gonnissen estará aos comandos do Mototri Contal durante 36 dias, de 2 de Junho a 7 de Julho.
 

1-18319
2-18319
3-18319
4-18319
5-18319
6-18319
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
1-18319
2-18319
3-18319
4-18319
5-18319
6-18319
previous arrow
next arrow
.
Classificados

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube