Morreu John Haynes, o criador dos manuais técnicos Haynes

Clássicos 12 Fev 2019

Morreu John Haynes, o criador dos manuais técnicos Haynes

John Haynes, fundador da Haynes Publishing Group PLC e do Haynes International Motor Museum, faleceu no passado dia 8 de Fevereiro, tinha 80 anos.

 

John nasceu a 25 de Março de 1938, em Ceylon, hoje conhecida por Sri Lanka, onde o seu pai tinha uma plantação de chá. Desde de muito novo que despertou a paixão pelos automóveis e o que mais gostava de fazer era passear com o seu pai, na plantação de chá, no Morris 8 Saloon da família. Aos doze anos mudou-se para o Reino Unido, com o seu irmão David, para ir para a Sutton Valence School, em Kent. Conseguiu convencer a escola, para lhe substituir o rugby, por uma actividade que ele gostava mais, neste caso, transformar um Austin 7 num desportivo leve. Após vender o automóvel e de receber algumas encomendas para construir mais, ele fez o seu primeiro livro técnico, para demonstrar todas as alterações feitas e assim as pessoas poderiam fazê-lo em casa. O título do livro era “Building A ‘750’ Special” e conseguiu vender 250 cópias em dez dias.

 

Após sair da escola, John juntou-se à RAF (Royal Air Force), para cumprir o seu serviço militar obrigatório. Durante este período ele desenvolveu a habilidade para gestão de negócios, conseguindo assim, seguir a sua paixão pelo automobilismo e publicar livros nos tempos livres. Ele próprio desenvolveu e competiu com vários automóveis, incluindo o seu Elva Courier, que está hoje em exposição no museu. Foi durante o tempo que esteve na RAF que conheceu a sua futura esposa, a Annette, e como prenda de casamento ofereceu-lhe uma máquina de escrever IBM Proportional Space Type Writer, apesar de não ser o presente perfeito, isto escreveria, literalmente, o futuro.

 

Em 1960 fundou a J. H. Haynes & Co. Limited e foi em 1965 que John criou o primeiro manual Haynes, quando um colega da RAF comprou um Austin-Healey Sprite em más condições e pediu-lhe ajuda para o reconstruir. Logo de início descobriu que o manual original não ajudava em nada, por isso, comprou uma câmara e começou a tirar fotografias ao processo de desmantelamento e reconstrução do motor. O manual do Sprite foi posto à venda em 1966 e a primeira tiragem, de 3000 exemplares, foi vendida em três meses.

 

Em 1979 criou a Haynes Publishing Group PLC, para expandir o seu negócio na Europa e América do Norte. Além de gostar de mecânica, John gostava de colecionar automóveis e, em 1985 abriu o Haynes International Motor Museum, em Sparkford, Somerset, tendo actualmente mais de 400 automóveis no espólio e foi distinguido, em 2014, como o Museu do Ano. A sua mulher Annette, ainda continua à frente da empresa, porque para além da ligação a John, partilha também a paixão pelos automóveis.

 

previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
previous arrownext arrow
Slider

TAGS: Haynes John Haynes


PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment