Renault R8 Gordini: Um campeão natural

Clássicos 19 Dez 2018

Renault R8 Gordini: Um campeão natural

Em Junho de 1962, foi apresentado o Renault 8, modelo de quatro portas, de design muito rectangular, baseado no Dauphine.

 

O veículo, que começou por ter um motor Cléon-Fonte de 956 c.c. e 44 CV de potência, ganharia, contudo, em pouco tempo uma variante de competição que ficaria para a história, o Renault 8 Gordini, fruto de uma colaboração entre a Regie Renault e o famoso construtor de carros de corrida, Amédée Gordini.

 

Estávamos em Outubro de 1964, no salão de Paris, quando o automóvel é apresentado, desde logo numa carroçaria azul, com riscas brancas a percorrer longitudinalmente o veículo, do capot à mala. A decoração tornar-se-ia também ela um ícone. Preço na altura do veículo: 11.500 francos.

 

O Renault 8 Gordini foi dado a conhecer, de início, com uma unidade de 1.108 c.c. com 90 CV e dois carburadores Weber, levando 33 segundos a alcançar os mil metros.

 

Em 1967, o veículo de tracção traseira recebeu dois faróis de longo alcance extras, uma caixa de cinco velocidades e um motor de 1.255 c.c., com 103 CV às 6.750 rpm. Com este upgrade, o desportivo é dotado de um tanque de combustível adicional de 26 litros, situado na parte dianteira.

 

É esta a configuração que mais ganharia relevo nas inúmeras provas em que o Renault 8 Gordini participou, quer a nível internacional, quer nacional. E aí o Renault 8 Gordini de José Carpinteiro Albino (nascido em 1938 e falecido em 2002) é uma incontornável referência.

 

Ainda que, em 1969, Carpinteiro Albino se tenha sagrado Campeão Nacional de Turismo Especial, num Saab 96, o momento de glória do piloto natural de Elvas foi o facto de, navegado por Silva Pereira, ter vencido a primeira edição do Rali de Portugal (Rali TAP), em 1967 – precisamente, ao volante do R8 Gordini 1300 e ultrapassando na última etapa, nas estradas de Sintra, o francês Jean-Pierre Nicolas, que conduzindo também um Gordini teve uma avaria na caixa de velocidades.

 

Após duas décadas sem se conhecer o seu paradeiro, o R8 Gordini de Carpinteiro Albino (matrícula GL-89-34) foi adquirido e recuperado no início dos anos 90, estando agora na posse família Carpinteiro Albino.

 

O R8 Gordini foi um dos mais emblemáticos pequenos desportivos, a par de modelos como o Simca 1000 Rallye 2 ou o Cooper S.

 

Do R8 Gordini de 1.108 c.c. foram produzidos 2.626 exemplares e do R8 Gordini 1300 cc foram feitas 8.981 unidades.

 

Este e outros modelos icónicos da Renault podem agora ser vistos na exposição temporária “Renault: 120 anos na estrada”, patente no Museu do Caramulo.

 

Veja a galeria em baixo com algumas das melhores imagens da Renault R8 Gordini.

 

previous arrow
next arrow
Slider

TAGS: Museu do Caramulo Renault Renault R8 Gordini


PARTILHAR:

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
CAR Recent comment authors
CAR
Visitante
CAR

Uma rectificação ao anunciado: os R8 Gordini 1108cc usavam carburadores Solex ! Foram os 1255cc a adoptar os Weber 40DCOE !