Mercado 26 Ago 2017

O que faz um automóvel valer milhões?

O Autoclube foi tentar perceber quais as características que fazem com que um automóvel renda milhões no mercado, tendo como exemplo o Ferrari 250 GTO de 1963 que se tornou na peça mais cara do mundo automóvel.

 
Mas o que leva quatro rodas com um motor e uma carroçaria em cima atingir estes valores? Não há uma resposta definitiva, mas há um conjunto de critérios que, cumpridos, podem fazer disparar o preço de mercado.
 
Alguns dos factores de extrema importância são a antiguidade, o estado de conservação e a exclusividade/raridade do modelo. Um carro que tenha tido uma produção muito limitada, como foi o caso do referido 250 GTO, que só viu 39 exemplares a sair da fábrica da Ferrari, tem tudo para se tornar num objeto de culto. “É o Santo Graal dos clássicos, é um carro que teve uma história desportiva muito interessante e que é muito usável fora da pista, o que o leva a atingir aqueles valores”, explicou o secretário-geral do ACP Clássicos, Luís Cunha.
 
Assista ao vídeo para ficar a saber mais!
 
Vídeo: Auto Clube ACP

Classificados

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube