E se o primeiro Mitsubishi tivesse sido um híbrido?

Modernos 03 Mai 2017

E se o primeiro Mitsubishi tivesse sido um híbrido?

Por Adelino Dinis

A Mitsubishi encontrou uma forma espectacular de celebrar o seu centenário. A marca dos três diamantes – que nos ofereceu modelos como o Lancer Evolution e o Pajero – decidiu recriar o seu primeiro automóvel, de 1917, mas utilizando tecnologia de 2017.
 
O Mitsubishi Modelo A foi o primeiro veículo de passageiros produzido em série no Japão. Tratou-se de uma série pequena: de 1917 a 1921 foram produzidos apenas 22 exemplares, no estaleiro da Mitsubishi Shipbuilding Company, em Kobe. O desenvolvimento do modelo consistiu no desmantelamento organizado e catalogado de um FIAT Tipo 3, cujas peças foram replicadas. O motor era em ferro forjado e o interior foi feito à mão por especialistas em carros de cavalos. O revestimento dos bancos e portas era em tecido de lá inglesa. Tinha faróis a gás, uma buzina de ar comprimido e a carroçaria era composta por painéis de aço lavados, assentes numa estrutura de madeira.
 
Para a época, era um automóvel de luxo, comercializado através de outra empresa do grupo Mitsubishi, a Ote Company. Os seus clientes eram sobretudo altos dignatários japoneses.
 
O Modelo A esteve na origem da Mitsubishi Motors, mas nas décadas seguintes, a marca iria dedicar-se a veículos de transporte de mercadorias. Só em 1960, a marca voltaria a concentrar-se na produção de automóveis de passageiros.
 
Cem anos depois, a Mitsubishi tem muita história para festejar, o que se torna importante no momento em que atravessa um período conturbado, motivado pela admissão de que teriam sido falseado resultados de consumos em quatro dos modelos comercializados no Japão.
 
Por esse motivo, juntar o passado e o presente tem ainda maior simbolismo. A marca japonesa pediu à West Coast Customs, empresa californiana especializada na personalização de automóveis, para recriar o seu Modelo A, com base na tecnologia utilizada no Outlander PHEV, um SUV Plug-in que tem tido bastante sucesso na Europa e nos Estados Unidos da América.
 
A construção deste surpreendente automóvel vai ser registada em filme e a sua apresentação vai decorrer neste Verão.
 



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment