Miguel Barbosa, António Maio, Beto Borrego e Jorge Monteiro são os vencedores da Baja de Idanha

Competição 20 Set 2014

Miguel Barbosa, António Maio, Beto Borrego e Jorge Monteiro são os vencedores da Baja de Idanha

Miguel Barbosa, em carros, e António Maio, nas motos, Beto Borrego em Quad e Jorge Monteiro em UTV, venceram a Baja TT de Idanha-a-Nova, que decorreu nos dias 12 e 13, sexta e sábado.
 
Nos carros Miguel Barbosa impôs-se em mais de seis minutos a Ricardo Porém, enquanto António Maio, depois de ter sido o mais rápido no prólogo de sexta-feira, acabou por beneficiar de um problema na mota de Mário Patrão, campeão nacional e líder da classificação, para vencer a prova.
 
Nos Quad, Ricardo Carvalho esteve melhor no prólogo e no primeiro sector selectivo, mas acabou por ser “travado” por problemas eléctricos, e permitir o triunfo de Roberto Borrego.
 
Miguel Barbosa afirmou no final da prova que era um regresso pretendido, “fizemos um excelente ritmo, forçámos bastante ontem, sexta-feira, e hoje (sábado) de manhã, ganhámos uma margem considerável para gerir à tarde”.
O vencedor da prova, diz que é um excelente começo “da segunda metade da época” e que a equipa está bastante motivada. Já sobre a organização deixou grandes elogios à Escuderia Castelo Branco, “a Escuderia tem-nos habituado à excelente qualidade das provas que organiza, tenta todos os anos evoluir a todos os níveis, as provas já estão num patamar muito elevado” afirma Miguel Barbosa que dedicou a vitória ao filho.
 
O piloto elogiou também o facto de a organização ter feito algumas alterações no trajecto, “a prova ganhou outra piada” afirma.
 
A Ricardo Porém a prova não correu bem logo pela manhã de sábado com o rebentamento de um fusível, “que condicionava o funcionamento da ventoinha e o aquecimento do motor”.
 
Durante a tarde o piloto tentou “atacar até onde foi possível” e manter-se a 30/40 segundos de Miguel Barbosa, “depois o pó já não deixava fazer mais e o Miguel geria e muito bem a sua corrida. Quase no final, tive um furo, mas não comprometeu o resultado, que já estava ditado”.
 
Também Ricardo Porém deixou vários elogios à organização , considerando as pistas da prova, “muito boas, muito rápidas, com bom piso, não é onde eu gosto mais de guiar, mas não posso deixar de elogiar as pistas porque sem dúvida que são fantásticas”.
 

Italiano Alex Zanotti torna-se Campeão do Mundo em Idanha

 
O italiano Alex Zanotti sagrou-se Campeão do Mundo de Bajas em Idanha-a-Nova, no final não escondia a felicidade, “comecei esta prova com menos oito pontos, foi uma prova muito difícil, muito rápida, mas consegui ganhar a prova e o campeonato do Mundo, e por isso estou muito feliz” dizia com um sorriso no rosto.
 
Para Alex Zanotti a maior dificuldade foi mesmo o pó que apanhou durante a competição, “mas quando ouvia as queixas do pó, lembrava-me do pó do Dakar e pensava isto não é nada comparado com aquilo”.
 
Para o piloto de San Marino, esta era uma prova muito importante, não só por ser a primeira vez que corria em Portugal, mas também porque em causa estava o título Mundial.
 
“Levo para San Marino boas recordações de Portugal, desta região e prometo voltar se não for a competir, será de certeza em férias”, afirmou.



PARTILHAR:

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
FERNANDO FERNANDES Recent comment authors
FERNANDO FERNANDES
Visitante
FERNANDO FERNANDES

É pena não fazerem referencia à campeâ mundial de bajas na categoria de senhoras RITA VIEIRA que venceu e foi campeã mundial