RM Auctions acrescenta Ferrari 375 MM ao leilão de Monterey

Mercado 30 Jul 2013

RM Auctions acrescenta Ferrari 375 MM ao leilão de Monterey

O Ferrari 375 MM, especialmente encomendado por Jim Kimberly em 1953, é o novo nome a acrescentar à lista de lotes disponíveis na venda de Monterey, na Califórnia. Cortesia da RM Auctions, o evento realizar-se-á nos dias 16 e 17 de Agosto no Portola Hotel & Spa.
 
Apesar de ter obtido algum sucesso na temporada de 1953, com um Vignale-bodied Ferrari 340 American Spider, o neto de um dos fundadores da Kimberly-Clark, incapaz de melhorar a potência e binário do 340, e apto a concretizar qualquer que fosse o seu desejo, fez um pedido específico à Ferrari que incluía requisitos personalizados, como a melhoria da capacidade de arrefecimento dos travões.
 
Alguns meses depois, sai de Cambiano, Itália, o oitavo de 26 unidades do 375 MM construídos, com chassis 0364AM, um automóvel radicalmente diferente de qualquer outro que o precedeu ou sucedeu, tendo a Pininfarina feito grandes alterações na carroçaria quer atrás das rodas, como na dianteira e traseira, de modo a criar uma máquina vencedora, que antecipa o design da lendária Scaglietti 250 Testa Rossa.
 
Graças a este exclusivo, o “Gentleman Jim” tornou-se campeão nacional da Classe C (Modificados) da SCCA, alcançando dezasseis vitórias globais e acumulando o gritante número de 9.500 pontos durante a temporada – mais 5.500 que Bill Spear, o seu rival mais próximo.
 
O 0364AM poderia ter sido utilizado na época seguinte – 1955, não tivesse o veículo ficado danificado no trânsito, a caminho de Sebring no início desse ano. Foi então substituído e vendido a um habitante de Detroit, que removeu o original Lampredi V16 e fez modificações de raiz na carroçaria antes de o usar como um carro de corrida, combinado com um potente motor Corvette.
 
Em 1960 este Ferrari foi vendido duas vezes, até cair nas mãos de um estilista da GM, que o deteve até 1968, quando o vendeu ao actual proprietário Charles Weiss. Apesar de não ter estado ciente da história do automóvel aquando da compra, rapidamente se apercebeu do exemplar exclusivo que tinha e iniciou o processo de restauro, com vista a devolver-lhe a sua condição original. Esta foi uma tarefa complicada para o engenheiro da Ford, uma vez que este modelo havia sido adaptado pela Pininfarina não existindo desenhos originais. O próprio Kimberly teve envolvido neste processo, tendo aprovado a cor vermelha correspondente àquela com que havia sido inicialmente pintado.
 
O veículo ficou completo com a reposição do original 0436AM, com que hoje é alimentado, a tempo do “Meadow Brook Concours d’Elegance” em 1989, e desde então tem sido exibido inúmeras vezes e vencido diversos prémios.
 
Este automóvel único junta-se então aos outros magníficos lotes em leilão, desde o Ferrari 250 GT Cabriolet Series II by Pininfarina de 1960, ao Mercedes-Benz 300SL Gullwing de 1955 e ao valioso Jaguar D-Type do mesmo ano, para mais dois dias de vendas da RM Auctions.
 
Texto: Inês Santos Ferreira
 



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment