Jornal dos Clássicos no Motorclássico

Eventos 02 Abr 2013

Jornal dos Clássicos no Motorclássico

O Jornal dos Clássicos, em conjunto com o semanário Autosport, vai marcar presença no Salão Motorclássico que irá decorrer nos pavilhões da FIL já esta sexta-feira, prolongando-se até domingo. Os visitantes que passarem por aquele espaço, poderão ver ao vivo o Porsche 911 “Bomba Verde” com o qual Américo Nunes realizou diversas provas nos nacionais de ralis. Outra máquina bastante interessante é o Cooper S com que Luís Neto se sagrou campeão Nacional de Ralis em 1968. Claro que o Jornal dos Clássicos pensou igualmente nas motos e assim sendo, nada melhor do que uma Yamaha TZ de competição no nosso espaço.

Propostas várias no salão

A organização do Motorclássico vai trazer até à FIL a exposição temática “Bicicletas Antigas”, um conjunto de bicicletas centenárias, com diversos modelos produzidos até 1900. Uma das estrelas desta exposição será a bicicleta Maison Michaux e C.ie (1865). O primeiro veículo de duas rodas com pedais foi concebido a partir de uma “Draisienne”, à qual se adaptaram pedais. A ideia foi tão bem recebida que só no ano de 1865, foram produzidas 400 bicicletas.
O crescente sucesso levou a que, apenas três anos depois, 300 operários fossem mobilizados para fabricar cinco bicicletas por dia. Desde o seu início, em 1861, que a comercialização destes velocípedes esteve a cargo de Pierre e Ernest Michaux de Paris.
Outro atrativo da edição deste ano do Motorclássico será a possibilidade de se certificar automóveis clássicos durante os três dias do Salão para quaisquer detentores de veículos clássicos que desejam obter a Certificação de Viatura de Interesse Histórico. Para que haja uma maior organização, é necessário proceder a marcação pelo email certificacoes@museu-caramulo.net ou telefone 916 399 994.
O Canal de História vai marcar presença no Salão Motorclássico, promovendo o programa “Loucos por Carros”, que estreia dia 5 de Abril.
No espaço do Canal de História estará presente um Chevrolet de 1938, cuja aspecto será modificado ao longo dos três dias do salão, em alusão ao programa que foca o dia-a-dia de uma oficina de restauro e transformação de automóveis clássicos em Las Vegas.

Das exposições aos Passeios

O Salão Motorclássico vai apresentar a todos os seus visitantes uma exposição temática dedicada ao Rally de Portugal, a mítica prova iniciada em 1975.
A exposição vai contar com alguns dos modelos mais enigmáticos, tanto em versão de estrada como de competição, que marcaram cada uma das fases do rally, como sejam o Lancia Stratos HF (1974), o Ford Escort 1800 (1981), o Audi Quattro Sport (Karroserie B) (1984), o Renault Alpine A110, o Fiat 124 Abarth, o Lancia Fulvia HF, o Lancia 037 (1982), Peugeot 205 T16, Ford RS200 (1986), Renault 5 Turbo II (1984) ou Peugeot 207 S2000 (2007), entre outros ainda por confirmar.
O Automóvel Clube de Portugal vai voltar a marcar presença, na edição de 2013 do Motorclássico. Para além da presença no salão, o ACP Clássicos vai realizar o Passeio ACP ao Motorclássico, no dia 6 de Março, que terminará com a chegada dos automóveis à FIL às 13h para se juntarem ao evento.
O Salão Motorclássico vai contar pela segunda vez com um passeio de motos antigas, co-organizado com Luis Pikanço. Os participantes vão sair da FIL no Sábado, dia 6 de Abril, às 10h em direcção a Belém, regressando depois ao Salão Motorclássico, onde os motociclos ficarão em exposição na parte exterior do recinto.
O valor da inscrição é de €10, com direito à entrada no Salão Motorclássico (e Leilão Motorclássico), no Salão Motor Racing e no Salão Moto Show.

Texto: Redação
Imagens: Organização e João Neto



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment