Mercedes SLS AMG agora em versão GT

Modernos 08 Jun 2012

Mercedes SLS AMG agora em versão GT

Assumido como um substituto das anteriores versões SLS AMG, eis que a Mercedes-Benz apresenta o SLS AMG GT, três anos passados desde a sua apresentação em 2009. O motor V8 de 6,3 litros, foi devidamente refinado para desenvolver agora mais 21cv, para um total de 591cv às 6800 rpm, embora o binário máximo se mantenha nos 650 Nm às 4750 rpm. Se exteriormente as diferenças face à anterior geração são relativamente diminutas – com novas jantes de 10 raios de 19 polegadas à frente e 20 atrás, maxilas de travão encarnadas, ópticas escurecidas e o óbvio emblema GT – é na suspensão e na transmissão que residirão as maiores diferenças. Desenvolvido com base na experiência obtida com a versão de competição GT3 do SLS AMG, a adopção do novo sistema de suspensão Ride Control Performance da AMG, confere ao novo GT um comportamento mais rígido e desportivo. O sistema que passou a dispensar a versão “Comfort”, permite a obtenção de melhores tempos, enquanto que a transmissão de dupla embraiagem e sete velocidades AMG Speedshift permitirá agora atingir os 100 Km/h em 3,6 segundos, ou seja menos um décimo de segundo do que anteriormente. Ao reformular a unidade de controle da transmissão, a Mercedes conseguiu fazer com que as mudanças entre velocidades sejam mais rápidas em modo manual, acionadas pela patilhas no volante. Em matéria de emissões de CO2 ou consumos não há no entanto lugar para alterações, mantendo-se os 13,2 litros aos 100. A velocidade máxima do Mercedes-Benz SLS AMG GT está limitada aos 320 km/h. Estas alterações bem como a adopção da nova sigla, estarão disponíveis tanto para a versão coupé como descapotável, embora da última não constem as características portas “gulwing”.
Para mais informações consulte www.mercedes-benz.com

Texto: Jornal dos Clássicos
Imagens: Mercedes-Benz



PARTILHAR:

Deixe um comentário

Please Login to comment