“Sinfonia Lusa, Opostus 6”, amanhã na Tertúlia SportClasse

Eventos 11 Mai 2012

“Sinfonia Lusa, Opostus 6”, amanhã na Tertúlia SportClasse

A presença da Porsche no desporto automóvel em Portugal será o tema de mais uma Tertúlia SportClasse, a realizar amanhã a partir das 10:00, nas suas instalações da Rua Maria Pia, em Lisboa. Propondo-se cobrir as várias épocas do envolvimento da marca na competição motorizada em Portugal, desde 1951 até à actualidade, a 18 edição destas tertúlias realiza-se sob o lema “Sinfonia Lusa, Opostus 6”.
Estas iniciativas promovidas por Jorge Nunes – filho do múltiplo campeão nacional de ralis e velocidade Américo Nunes – tiveram o seu início em Abril de 2006 e desde então têm contado com uma crescente adesão de pilotos, mecânicos, jornalistas e entusiastas. Segundo a organização, “em traços gerais, a ideia consiste em proporcionar a possibilidade de conhecer e conversar com quem fez a história do desporto automóvel nacional”. A primeira tertúlia foi dedicada à carreira de Américo Nunes e contou também com a presença do seu primeiro navegador, Evaristo Saraiva. Na mesma ocasião foi também apresentado ao público o Porsche 911 com a matrícula BG-34-18 que os acompanhou nas provas da época, decorado como se tivesse estado guardado nos últimos 40 anos.
Depois de dezassete tertúlias realizadas, um circuito da actualidade visitado por duas vezes, três circuitos antigos percorridos, uma rampa e uma etapa do rallye de Portugal, mais de oito centenas de participantes e de dezenas de viaturas apresentadas, estas tertúlias representaram muitas horas de convívio, boa disposição e partilha de conhecimentos.

Um 356 “pré-A” na Rampa da Arrábida

A presença da Porsche nas competições nacionais começou cedo, sendo praticamente coincidente com a chegada dos primeiros modelos importados para Portugal, no ano de 1951. O pioneiro terá sido Ernesto Martorell, que alinhou à partida da Rampa da Arrábida de 1951, com um Porsche 356 “pré-A”, equipado com um motor de 1086c.c. e 40cv.
Pouco tempo depois, José Nogueira Pinto recorreu também a um 356 para participar numa outra rampa, em substituição do seu Allard avariado. Tal como sucedia com os Volkswagen “Carocha”, os primeiros proprietários destes modelos logo perceberam o avanço tecnológico que representava a concepção destes modelos, concebidos inicialmente por Ferdinand Porsche, muitas delas oriundas da experiência em competição com os Auto Union de Grande Prémio. Mesmo não sendo muito potentes, os modelos da Porsche possuíam um baixo centro de gravidade, uma suspensão independente nas 4 rodas, uma excelente caixa de velocidades, pelo que se apresentavam manejáveis e fáceis de conduzir, além de bastante divertidos quando levados aos limites.
Mais informações em www.sportclasse.pt

Texto: Jornal dos Clássicos
Imagens: SportClasse

Classificados

Deixe um comentário

Please Login to comment

Siga-nos nas Redes Sociais

FacebookInstagramYoutube