Automóveis que são um assombro

Clássicos 31 Out 2018

Automóveis que são um assombro

O Halloween está à porta e com ele instala-se um ambiente sombrio. Existem automóveis que são verdadeiramente assustadores, seja pelo nome com que foram baptizados – como o Rolls-Royce Ghost – ou porque fisicamente se assemelham a almas atormentadas de mortos-vivos. Deixamos-vos as nove “travessuras” mais assustadoras da indústria automóvel.

 

1) Rolls-Royce Phantom

 

Este automóvel custa tanto como um apartamento na Zona 3 de Londres, o que é bastante assustador por si só, mas não explica inteiramente o seu nome. A Rolly-Royce estava certamente a referir-se à suavidade quase assustadora da viagem que o seu novo modelo proporciona, mas o substantivo aplicado – ‘Phantom’- faz muito menos sentido para quem se senta no banco de trás de um exemplar deste modelo. Não há nada mais comum do que ver um automóvel com seis metros e duas toneladas e meia estacionado num espaço reservado a autocarros com o pisca ligado.

 

2) Plymouth Prowler

 

Este automóvel pode muito bem ter sido construído para o Holloween. O seu nome pouco agradável é quase tão assustador quanto a sua aparência, que felizmente é inédita na indústria automóvel. Concebido em meados dos anos 90 como uma combinação de um monstro ao estilo de Frankenstein e um hot-road, assemelha-se a uma banheira virada ao contrário. A condução do Prowler é tão desagradável como o seu vislumbre. Existem cerca de dez exemplares deste automóvel a “rondar” as estradas britânicas.

 

3) Fiat Spider

 

A Fiat corre o risco de acabar com os aracnofóbicos com o seu 124 Spider. Este divertido roadster é de longe menos arisco que o animal que lhe empresta o nome, mas há uma razão assustadora por trás disto, o 124 Spider é na realidade uma espécie de Mazda, construído como um MX5 no Japão e enviado para Turim para ser vestido com pele italiana.

 

4) Hillman Imp

 

Os diabinhos têm sido associados, ao longo dos séculos, pela cultura e tradições populares às florestas, o que poderá explicar o sucesso do Hillman Imp nas provas de rally. Estas “criaturas” incómodas tinham o seu motor alojado na parte traseira e, como resultado, o péssimo hábito de sobreaquecerem.

 

5) AMC Gremlin

 

O gremlin é o irmão mais velho do imp, tornando a escolha do nome para este AMC ainda mais questionável – ‘gremlin’ é o termo militar utilizado para designar uma aeronave de sabotagem. A escassez de exemplares deste modelo da AMC faz com que o seu valor vá aumentando.

 

6) Lamborghini Murciélago

 

Murciélago significa morcego em espanhol. Também a parte mais assustadora deste Lamborghini seja a sua capacidade inabalável de causar um certo constrangimento aos seus ocupantes quando estes saem do automóvel. Ou a depreciação precipitada ou, talvez, os seus terríveis custos de manutenção.

 

7) Skoda 110 Super Sport

 

Não tendo um nome, nem uma aparência propriamente assustadora este peculiar protótipo foi utilizado em 1982 num filme de terror checoslovaco. No filme foi fabricado pela construtora fictícia Ferat e era uma espécie de “automóvel-vampiro”.

 

8) Ford Probe

 

Com um nome desconfortável em vez de assustador, o que lhe conferiu esse predicado foi o facto de ter estado perto de substituir o Ford Mustang. É isso mesmo, a Ford brincou com a ideia de substituir o icónico automóvel americano por uma imitação da Mazda com tracção dianteira. Felizmente a marca pensou melhor e em 1997 o Probe deixou de ser produzido, enquanto que o Mustang vai na sua sexta geração.

 

9) Rolly-Royce Ghost

Realisticamente, o que é mais assustador do que um fantasma? Este modelo da Rolls-Royce pode ser visto a assombrar as zonas mais ricas do mundo, edição especial limitada lançada para comemorar os 100 anos do Alpine Trial de 1913.

 

 

 


TAGS: AMC Gremlin Fiat 124 Spider Ford Probe Hillman Imp Lamborghini Murciélago Plymouth Prowler Rolls-Royce Phantom Rolly-Royce Ghost Skoda 110 Super Sport


PARTILHAR:

Mais Populares

Deixe um comentário

avatar