48 Horas Alfa Romeo, a celebração da marca

Eventos 12 Abr 2018

48 Horas Alfa Romeo, a celebração da marca

Por Adelino Dinis

A convite da Lizitália, acompanhámos a segunda edição das 48 Horas Alfa Romeo, que decorreu nos dias 23 a 25 de Março.
 
A edição deste ano contou com uma prova nocturna logo na sexta-feira, no kartódromo dos milagres.
 
Com a parte desportiva despachada, os participantes puderam aproveitar um percurso turístico de qualidade, que partiu das instalações da Lizitália, em Leiria, por volta das 11 da manhã, rumo à Sertã.
 
Com mais de 50 participantes na estrada, representou um significativo incremento face ao ano passado.
 
Nas cinco dezenas de Alfa Romeo que participaram estava representada boa parte da produção dos anos sessenta e setenta, um pouco menos dos anos oitenta, excelente representação das décadas seguintes.
 
Nos mais antigos destacavam-se um belo Spider “Duetto” e um GTV 1750 “prima serie”. Nos mais recentes, os Giulia Quadrifoglio e os 4C e 4C Spider eram os preferidos dos fotógrafos.
 
O almoço na Sertã não podia dispensar os maranhos e o convívio entre alfistas e alguns “turistas” foi excelente.
 
A comitiva continuou até Castelo Branco, visitando o famoso Jardim do Paço, antes de seguir para Monfortinho.
 
Na madrugada seguinte começava o Campeonato do Mundo de Fórmula 1 e o regresso da Alfa Romeo, através da associação à Sauber. Nem a mudança da hora impediu que às 6h00 estivessem alguns participantes à frente da televisão no confortável lobby do Hotel Fonte Santa.
 
Não vamos nomear os participantes, mas aqueles que na véspera afirmaram que não vinham, de facto cumpriram. Um deles prometeu aparecer de roupão, o que cumpriu com brio. Alguém ficou de trazer charutos, mas primou pela ausência. E houve também quem, após a desistência de um dos Alfa Romeo, fosse dormir mais um bocadinho.
 
Ao pequeno-almoço estava tudo bem disposto, os que tinham resistido e os que tinham dormido. Os Alfa Romeo Sauber não foram os primeiros a desistir esta época (a honra coube a um Williams) e também não terminaram em último.
 
A seguir houve a oportunidade de conduzir alguns dos novos modelos Alfa Romeo. Eu gostei particularmente do Giulia Veloce, com um excelente comportamento e um bom motor a gasolina de 280 cavalos.
 
Cumprindo o programa, os Alfa Romeo seguiram para Penha Garcia, com visita ao castelo, antes do almoço na Quinta das Olelas.
 
Às 16h00 deu-se por terminada a segunda edição das 48 Horas Alfa Romeo, evento que já garantiu o seu lugar no calendário e no coração dos Alfistas.
 


TAGS: 48H Alfa Romeo Alfa Romeo Lizitália


PARTILHAR:

Mais Populares

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar